Brasileiro não tem tempo para relaxar, segundo estudo

Brasileiro não tem tempo para relaxar, segundo estudo

Por: Laura Navajas 936 views

Segundo pesquisa realizada pelo Groupon, muitos pesssoas perdem momentos de descanso e lazer por simplesmente trabalharem demais

Shutterstock

Todo mundo tem aquele colega que trabalha demais. Chega mais cedo no escritório e dificilmente é o primeiro a ir embora, pelo contrário. Muitas vezes, é o último. Mas será que ele é minoria? Será que o brasileiro, em geral, consegue ter um bom equilíbrio entre vida pessoal e trabalho? Segundo os participantes de uma pesquisa realizada pelo Grupon (plataforma de comércio eletrônico), não. A maioria dos respondentes (67%) disseram não ter tempo o suficiente para relaxar. Um quarto (25%) chegou a afirmar que precisaria de mais 4 horas no dia para fazer tudo o que é necessário.

O que mais influencia neste resultado é o fato de que 36% dos entrevistados trabalham mais horas do que deveriam, sendo que 47% deles realiza jornada entre oito e 10 horas e 18% entre 10 e 12 horas diárias. Além dos longos expedientes, outros fatores impedem o brasileiro de relaxar, como as preocupações financeiras (72%), o cansaço físico e mental (70%), as contas (55%), as tarefas do lar (46%) e o volume de trabalho (46%).

A notícia boa é que mesmo com todas as cobranças do dia a dia, o brasileiro não abre mão das tão sonhadas e merecidas férias: 39% tiram entre 15 e 29 dias de descanso por ano. E a atividade mais apreciada para isso é passar um dia na praia, com 41% da preferência; o day spa ficou em segundo lugar (32%) – dentro desta modalidade, a massagem é o tipo de tratamento preferido para relaxar (84%).

“Isso explica porque os tratamentos de beleza e estética são os serviços mais procurados em nossa plataforma”, diz João Pedro Serra, country manager do Groupon. “O day spa é uma das ofertas mais desejadas, que conta com procedimentos variados e está disponível em quase todo o Brasil, com descontos de até 80%”.

A ideia do estudo foi conhecer o nível de qualidade de vida do brasileiro. Para isso, entre os dias 21 e 24 de novembro, a pesquisa contou com 527 respondentes, da base de usuários do Groupon.

Carregando...

Carregando... por favor, aguarde.