3 Dicas para quem quer aprender a utilizar hashtags

3 Dicas para quem quer aprender a utilizar hashtags

Por: Marcelo Brandão 1.202 views

Hashtags também podem ser utilizadas dentro da estratégia de empresas. Especialista elenca alguns exemplos e pontos importantes

O Twitter é uma página curiosa. Muitas vezes funciona como um termômetro do comportamento dos consumidores, ou como um meio para veiculação de notícias. Foi ele quem colocou em risco tantos portais de notícias, tornando possível que as pessoas soubessem o que acontece pelo mundo sem abrir qualquer outro site. E existe uma ferramenta muito importante nesse processo: a hashtag. Elas ganharam força no lançamento dos Trending Topics – assuntos mais falados – do Twitter. Desde então, são cada vez mais usadas.

Dentro desse contexto, porém, parece que os clientes estão muito mais preparados para usar as hashtags do que as empresas. É essa a impressão de Rafael Kiso, especialista em marketing digital e fundador da mLabs. Para ele, a maior parte das empresas ainda não percebeu a vantagem de se utilizar as hashtags. “Esquecemos que existe busca além do Google. Há um buscador também dentro do Twitter e do Instagram, por exemplo. Portanto, as marcas precisam estar bem posicionadas também nos resultados dessas buscas”, diz.

Contudo, algumas marcas que souberam usar essa ferramenta criaram campanhas e estimularam o uso de hashtags. O objetivo era entrar no ranking dos assuntos mais falados, fazendo assim com que as redes sociais colaborem com o compartilhamento da mensagem.

Considerando esse cenário, o executivo dá algumas dicas para quem quer utilizar hashtags. Para exemplificar, ele cita a área de turismo.

Confira:

1. Antes de criar qualquer conteúdo, é importante listar quais são as hashtags mais importantes e comuns para o seu negócio, levando em consideração os pilares do segmento de atuação. Para o turismo, por exemplo, os pilares são: destino, entorno, momento, ação e posicionamento. É importante pesquisar as hashtags mais usadas em cada pilar, sendo que, para o pilar de posicionamento, você terá que criar suas próprias hashtags.

2. Todos os conteúdos publicados devem conter pelo menos uma hashtag de cada pilar. Essa é a regra básica. Levando em consideração o turismo, um resort de luxo pode criar um conteúdo e o representar usando #Bahia #Itacare #Praia #Romantico #Spa #Luxuryresort #LuxoDaSimplicidade. Ou seja, duas hashtags de destino, uma de entorno, uma de momento, uma de ação, e duas de posicionamento, respectivamente.

3. Outra dica importante é usar hashtags em inglês pois, mesmo aqui no Brasil, as pessoas costumam usá-las com frequência.

Carregando...

Carregando... por favor, aguarde.