8 mil bots são responsáveis por 500 milhões de mensagens por mês

8 mil bots são responsáveis por 500 milhões de mensagens por mês

Por: Melissa Lulio 10.046 views

Estudo desenvolvido pela Mobile Time demonstra que os bots já são uma realidade dentro das empresas brasileiras. Conheça os números

Há muito mais robôs do que você imagina por aí. Quando começaram os boatos referentes à inserção de “humanos eletrônicos” na sociedade, a imaginação das pessoas criou uma realidade em que robôs limpariam a casa, como no futuro elaborado pelo desenho animado Jetsons. Mas a criatividade tecnológica foi muito além: na verdade, grande parte dos robôs é invisível e atua por trás da tela do seu computador, ou do seu celular.

A prova disso está em um levantamento inédito realizado pela Mobile Time, focado em traçar o mapa do ecossistema brasileiro de bots. A pesquisa identificou que há 56 empresas que desenvolvem robôs de conversação no País e, até hoje, elas produziram aproximadamente 8 mil bots que são responsáveis por cerca de 500 milhões de mensagens por mês. Os robôs atuam em diversos canais: Facebook Messenger, sites na web, apps móveis, Twitter, Telegram, entre outros.

Confira a edição online da revista Consumidor Moderno!

De acordo com o estudo, 45% dos desenvolvedores de bots no Brasil são de pequeno porte e possuem no máximo dez robôs publicados. Para a Mobile Time, isso demonstra que essa é uma indústria nascente no mundo todo.

Contudo, 39% das empresas que criam bots são de porte médio e já possuem entre 11 e 100 robôs construídos. Há, porém, quatro empresas – ou 7% da base – que podem ser consideradas grandes, com centenas de bots lançados; e duas gigantes, com milhares de bots desenvolvidos.

A maioria dessas empresas se concentra no estado de São Paulo: 71%. O Rio Grande do Sul aparece em segundo lugar, com 13% das empresas. Duas empresas estrangeiras que criam bots em português para marcas brasileiras também foram computadas.

Principais canais utilizados

O principal canal onde os bots são utilizados é o Facebook Messenger – 46% são direcionados para essa canal. Depois dele, estão os sites na web (25%). De acordo com os desenvolvedores, 32% das ferramentas foram criadas internamente. Porém, 30% apontam a IBM como sua principal fornecedora de ferramentas para bots, seguida por Facebook (13%), Google (7%) e Microsoft (5%).

O estudo

Os dados foram coletados por meio de um questionário online em outubro e consolidados junto com informações de matérias publicadas em Mobile Time ao longo de 2017.

Carregando...

Carregando... por favor, aguarde.