O que os Millennials mais demandam dos chefes da Geração X?

Uma jovem expert em Millennials escreve uma carta para os colegas de trabalho que fazem parte da Geração X. Confira o que ela tem a dizer

Por: - 8 meses atrás

Caro membro da Geração X,

Obrigada por ser um pioneiro. Toda geração traz novas ideias que ajudam aqueles que nascem em seguida a ficarem menos perdidos.

Nós precisamos de você, apesar de sua geração parecer pequena e apesar de você ser confundido com o “filho do meio” entre os Baby Boomers e os Millennials. Você foi colocado entre duas gerações conhecidas pelo próprio tamanho e pelas mudanças que fazem no ambiente de trabalho, mas você é tão importante quanto os colegas mais velhos e mais jovens.

Confira a edição online da revista Consumidor Moderno!

Agora, você está nas trincheiras da sua profissão – trabalhou diligentemente para subir na carreira que escolheu e finalmente está colhendo alguns benefícios. Contudo, finalmente está se descobrindo em uma posição esquisita. Sendo membro da Geração X, você não é nem o mais experiente, nem o mais jovem do escritório. Os novatos (nós, Millennials) estão chegando ao ambiente de trabalho e agitando as coisas. Alguns dizem que estamos destruindo o ecossistema que vocês finalmente ajustaram – e, sendo parte da Geração X, você provavelmente reclama disso. Mas, nós só queremos ser parte do time.

Se você está se sentindo frustrado com os Millennials que trabalham você, aqui vão algumas sugestões:

1. Aproveite sua independência, mas reconheça nossa necessidade de desempenhar projetos coletivos.

Como membros da Geração X, vocês são conhecidos como as crianças “encapsuladas”, uma vez que o índice de divórcio e de pais solteiros aumentou muito durante a sua adolescência. Quando jovens, muitos de vocês chegavam em casa, depois da escola, davam de cara com uma casa vazia e tinham que se trancar até que sua mãe, seu pai, ou os dois, chegassem do trabalho. Isso fez com que toda a geração se tornasse independente em vários aspectos – muito mais do que os Baby Boomers ou do que os Millennials. E isso pode ser usado de forma positiva: mostre como você consegue concluir o seu trabalho de forma independente, pois os Millennails ao seu redor estão aptos a ver isso e a aprender uma nova forma de trabalhar.

Porém, saiba que os Millennials foram encorajados a formar grupos na escola. Entendendo que as diferenças de criação entre gerações podem ajudar a trabalhar da melhor forma com os colegas mais jovens.

2. Implemente grupos multigeracionais

Você faz parte da geração que é capaz de construir uma ponte entre os Baby Boomers e os Millennials

Dedicar tempo à tarefa de implementar grupos multigeracionais de brainstorming pode fazer com que as vozes de todos sejam ouvidas. Millennials e Baby Boomers são mais abertos à esse tipo de convite quando ele vem de pessoas da Geração X – afinal, eles têm idades próximas.

3. Informe os Millennials e converse com eles

Faça com que eles saibam como a organização tem sido conduzida e quais mudanças estão sendo implementadas enquanto você está na empresa. Para isso, explique as transformações que você presenciou, mostrando que está atento e aberto a ajustes que podem ser necessários e podem ajudar a promover o crescimento do local de trabalho.

Amigos da Geração X, sinto muito se vocês se sentem perdidos às vezes, na aleatoriedade das gerações. Vocês são percebidos e são necessários. Nós, Millennials, nos inspiramos em vocês e na incrível ética que vocês têm no trabalho. Não desistam de nós ainda! Está chegando a nossa hora de entender nossa posição, conforme os jovens da Geração Z estão entrando no mercado de trabalho: eu aposto que eles nos desafiarão da mesma forma como desafiamos vocês. Como dizem, “tudo o que vai, volta”.

Atenciosamente,
Amelie