Latinos viajam mais e gastam mais em lazer

Vida social agitada e novas experiências são os objetivos deste público, que tem as viagens como uma das três atividades mais prazerosas

Sair de casa e aproveitar momentos inesquecíveis ao lado da família e amigos é cada vez mais um objetivo na vida dos latino-americanos. Uma pesquisa da Euromonitor mostra que os turistas da América Latina têm mais chances de viajar com mais frequência do que aqueles que vivem em países mais desenvolvidos e que, quando viajam, se divertem mais. A pesquisa analisou as preferencias e hábitos de viagens de turistas na Austrália, Brasil, China, Colômbia, França, Alemanha, Índia, Indonésia, Japão, México, Rússia, Espanha, Turquia, Reino Unido e Estados Unidos.

A pesquisa também descobriu que as viagens estão entre as atividades de lazer favoritas de quase 75% dos entrevistados em toda a América Latina, contra 66% das opiniões vindas de outros países desenvolvidos. Colômbia (80%), México (74%) e Brasil (63%) consideram que viajar está entre suas três atividades de lazer mais prazerosas.

Os resultados mostram que, entre os analisados, os latino-americanos são os que mais gostam de socializar e conhecer pessoas quando viajam, apontando que o prazer de ir para outros destinos está ligado ao desejo de ter uma vida social mais variada e de vivenciar novas experiências. E estes desejos se traduzem em uma maior aceitação em pagar mais por certas amenidades, como entretenimento noturno ou atividades em grupo para crianças.

Os resultados são baseados na pesquisa Out & About da Euromonitor International, realizada com 6.200 consumidores on-line em 15 países ao redor do mundo: Austrália, Brasil, China, Colômbia, França, Alemanha, Índia, Indonésia, Japão, México, Rússia, Espanha, Turquia, Reino Unido, EUA.

* Via Consumidor Consciente Mastercard




Acesse a edição:

MAIS LIDAS

VEJA MAIS

ÚLTIMAS

VEJA MAIS