Projeto leva educação para o consumo a escolas de São Paulo

Com capacitação de professores baseada no Código de Defesa do Consumidor, Procon e escolas estaduais apostam na educação financeira 

O PROCON-SP, a Secretaria da Justiça e a Secretaria da Educação de São Paulo firmaram uma parceria, no ano passado, para criação do projeto Saber Consumir. A ação tem o objetivo de conscientizar os cerca de 4,3 milhões de alunos da rede estadual sobre questões relacionadas ao consumo financeiro e ao uso consciente de recursos energéticos.

Nesta quinta-feira, 27, a iniciativa será implementada em Indaiatuba, interior paulista, a 19ª cidade a receber o programa. Cotia e Guarujá também farão parte desta conta nos próximos dias e mais de 30 outros municípios já estão em contato. Atualmente, cerca de 464 unidades de ensino estão com a ação ativa. 

Os professores das escolas locais são capacitados por especialistas do Procon e recebem os livros base do projeto, entre eles o Código de Defesa do Consumidor, para que possam atuar efetivamente junto aos alunos. A proposta visa alcançar a formação de uma geração mais consciente e segura para optar por atitudes mais favoráveis para si, para a sociedade e para o meio ambiente.

A ideia das entidades é expandir o Saber Consumir por todos os municípios de São Paulo, disponibilizando a capacitação gratuitamente. O credenciamento é por adesão e pode ser solicitado diretamente ao PROCON pelo e-mail cursos-procon@procon.sp.gov.br.

 

Leia mais:

#Fail: estudo mostra principais reclamações no Twitter

Memantina: remédio contra o consumismo?

Crianças precisam falar sobre dinheiro

 

 

MAIS LIDAS

VEJA MAIS

ÚLTIMAS

VEJA MAIS

As IDENTIDADES do novo consumidor sem rótulos #CM25ANOS

Futuro incerto? O que pensam os futuristas em tempos de crise social

“Contágio” e outros filmes sobre epidemias para ver dentro de casa

Manu Gavassi e sua brilhante estratégia de branding. O que as marcas podem aprender com ela?

A ascenção das newsletters

VEJA MAIS