Roupa absorve luz do sol para carregar celulares

As roupas da coleção Wearable Solar são preenchidas com células solares que captam e processam os raios do sol, até transformá-los em eletricidade. Ideais para locais e situações em que não há acesso à energia elétrica

Uma coleção de roupas capaz de carregar celulares com a luz do sol foi criada pela agência de publicidade holandesa Gelderland Valoriseert, em parceria com uma estilista e um engenheiro elétrico do mesmo país. Entre os produtos da coleção, destacam-se um vestido e um casaco, fabricado com couro, lã e células fotovoltaicas, que, ao ficarem expostas ao sol por uma hora, são capazes de carregar pelo menos a metade da bateria dos smartphones convencionais.

wearable solar3

As roupas da coleção Wearable Solar são preenchidas com células solares que captam e processam os raios do sol, até transformá-los em eletricidade. Ideais para locais e situações em que não há acesso à energia elétrica, as roupas têm design arrojado e os painéis de captação são flexíveis, o que não incomoda o usuário. Mesmo assim, as peças apresentaram diferenças nos testes: por ser mais rígido, o casaco oferece menos conforto, mas tem um desempenho maior ? enquanto o vestido oferece mais conforto para as mulheres.

A estilista Pauline van Dongen, que participou diretamente da criação da Wearable Solar, afirma que os itens do vestuário foram inspirados na pele humana ? por isso, cada peça de roupa foi dividida em camadas. A estilista holandesa também disse que é importante unir moda e tecnologia, incluindo, principalmente, os módulos de energia solar.

Por enquanto, as roupas da coleção ainda não são vendidas em nenhuma parte do mundo, mas os desenvolvedores realizam esforços para comercializar as peças no mercado o mais rápido possível. Além disso, quando o tempo está nublado ou chuvoso, os painéis solares flexíveis instalados no tecido podem ser dobrados e escondidos.

 

* Com informação do CicloVivo

MAIS LIDAS

VEJA MAIS

ÚLTIMAS

VEJA MAIS
Publicidade sidebar

Vídeos

VEJA MAIS

Revista Consumidor Moderno

VEJA MAIS