Vector dobra sua capacidade de atendimento

Empresa investe em novas tecnologias, infraestrutura e mão de obra especializada para o setor de atendimento ao cliente

A Vector Contact Center, empresa especializada em soluções e gestão de atendimento para o setor de call center, acaba de dobrar sua capacidade de atendimento. Atualmente, a empresa já comemora a operação em 2.500 Posições de Atendimento (PA´s).

Isto porque, desde o ano passado, a empresa vem investindo forte em três pilares para um crescimento ordenado: Tecnologia, Pessoas e Infraestrutura. E, com isso, a companhia atingiu o faturamento recorde de 20 milhões de reais em 2013.

Dando seguimento a essa nova estratégia, a empresa também acaba de inaugurar uma unidade comercial em São Paulo, na Avenida Paulista, centro financeiro do País. Nascida e já bem estabelecida em Fortaleza, no Ceará, a Vector Contact Center quer conquistar seu espaço neste mercado que detém 58% das operações de call center do País.Deborah Barra, fundadora da Vector Contact Center

“Já estamos bem consolidados no Nordeste, região que vem investindo pesado em estrutura de tecnologia, com custos inferiores as outras do País e que já representa mais de 12% dos negócios em call center em todo o País. Porém, a estratégia de se firmar em São Paulo é decisiva para aumentarmos nossos negócios em uma região ainda muito rica para este setor”, revela Deborah Barra, fundadora da Vector Contact Center acrescentando que a empresa está apta a atender as exigências do mercado do Sudeste e Sul. “Já temos alguns clientes nessa região que optaram por nossas operações. Ganhamos, não apenas com custos, mas também e, principalmente, em agilidade, flexibilidade e em pessoas”.

Visão estratégica

Pessoas é outro fator de relevância para a Vector Contact Center, já que o segmento de call center é o que mais emprega no Brasil. São mais de 500 mil pessoas vivendo desse setor. Com 1.500 funcionários e uma taxa baixa de turnover, a empresa desenvolve planos anuais de capacitação, com treinamentos comportamentais.

Por meio do Plano de Desenvolvimento de Líderes, o departamento de RH trabalha temas pertinentes a cada cargo, a fim de desenvolver as capacidades essenciais da função, desde dos atendentes, até supervisores e gerentes. “Sabemos como é delicado transformar comportamento e isso repercute diretamente em produtividade e consequentemente em lucratividade para a empresa. O importante é que a alta direção de nossa empresa apoia e incentiva uma gestão de pessoas focadas. Desta forma, é mais fácil atingir os objetivos organizacionais”, acredita Juliana Uchoa, gerente de RH.

Com foco no setor privado, a Vector Contact Center trará às empresas todo seu know-how dos atendimentos as instituições governamentais, setor este que exige um trabalho transparente, sigiloso e ético, já que trata com dados confidencias de clientes, dúvidas muitas específicas e complexas.

Além disso, a operadora de call center já conta com uma base de contratos também nos setores alimentício, bancário, educacional, entretenimento, saúde, máquinas pesadas e telefonia. “Com a nossa experiência em Governo fica mais tranquilo de atender a outros segmentos da economia que estamos de olho, tais como varejo, serviços financeiros e telecomunicações” finaliza Deborah.
 

 




Acesse a edição:

MAIS LIDAS

VEJA MAIS

ÚLTIMAS

VEJA MAIS