Internet das coisas e big data são as apostas da Intel

Tecnologias prometem mudar a experiência dos compradores por meio dos dispositivos móveis. Intel apresentou as novidades na NRF 2014

A Intel começa 2014 apostando em uma linha de produtos que promete melhorar a experiência de compras de usuários de dispositivos móveis. A empresa afirma que nos próximos 10 anos o varejo mudará mais do que mudou nos últimos 50 anos, com a explosão da Internet das Coisas e Big Data.

A companhia expôs, durante a convenção e exposição anual da National Retail Federation (NRF) entre 13 e 14 de janeiro em Nova Iorque, tecnologias disponíveis no mercado que têm ajudando varejistas a usarem melhor os dados e melhorar a experiências dos que compram nos dispositivos ou lojas físicas.

Entre as ferramentas estão a Shopping Anywhere, que permite aos consumidores comprar pela TV alguns dos acessórios usados em programas, e o Retail Client Manager, com a tecnologia da ACTV8, que permite aos espectadores identificar as roupas usadas pelo ator ou atriz em um episódio, receber ofertas, jogar para receber dinheiro digital, ou comprar um modelo instantaneamente e recebê-lo diretamente em sua casa.

Há também o espelho digital, que permite ao consumidor ?experimentar os acessórios?  virtualmente por  smartphone ou tablet. A solução usa a tecnologia gráfica da Intel para criar avatares do comprador com roupas que podem ser compartilhados com os amigos para solicitar feedback. A companhia também tem tablets para lojas físicas para uso da equipe de vendas, que pode agilizar o processo de pagamento.

Alguns consumidores chegam a gastar mais de US$ 300 por minuto em compras online e 78% deles são mais propensos a comprar de um varejista que envie ofertas relevantes e de seu interesse. Em média, 59% dos varejistas citam a falta de informações sobre os consumidores como o maior problema relacionado a dados.

Uma das soluções da companhia permite evitar que os compradores cheguem à loja e descubram que o produto está em falta, pois a solução permite ao varejista antecipar o mix certo de produto para cada loja, determinar o melhor preço e obter informações em tempo real sobre o inventário. O ?Distribution? e o software e kit de ferramentas para análises Hadoop, da Apache, permite captar os padrões de consumo dos clientes e direcionar as ofertas.

O Context Aware Marketing permite ao varejista mudar as propagandas exibidas em um dispositivo de sinalização digital de acordo com a idade e o sexo do cliente que estiver olhando para o dispositivo, e a solução Dynamic Staffin Optimization (DSO) permite medir e analisar dados, incluindo o trânsito em tempo real dentro e fora da loja, o tamanho das filas, o número de registros ativos e abertos, dados sobre o histórico de transações e a jornada de trabalho dos funcionários. O objetivo é oferecer recomendações para abrir ou fechar as caixas registradoras com base no fluxo esperado de clientes.
 

* Com informações da IPNews




Acesse a edição:

MAIS LIDAS

VEJA MAIS

ÚLTIMAS

VEJA MAIS