Presidente do Pão de Açúcar renuncia

Enéas Pestana, presidente do Grupo Pão de Açúcar, pediu demissão nesta segunda-feira. Em seu lugar assume Ronaldo Iabrudi, contratado pelo Casino em junho de 2013

Enéas Pestana, presidente do Grupo Pão de Açúcar, pediu demissão nesta segunda-feira. Pestana foi contratado em 2002 por Abilio Diniz e assuniu a presidência em março de 2010. Mesmo com a mudança de controle, que passou a ser do Grupo Casino, se manteve no cargo. Em seu lugar, assumirá o executivo Ronaldo Iabrudi, conselheiro do Pão de Açúcar e representando do Casino no País.

A saída do executivo não foi uma surpresa, em sua coluna no jornal O Estado de S. Paulo, do dia 7 de janeiro, Sonia Racy comentou que Pestana já havia comunicado os controladores que pretendia deixar o Grupo.

“Este é um momento adequado para a conclusão de um ciclo importante na liderança do GPA”, disse o executivo em nota enviada a imprensa.

Ronaldo Iabrudi

Iabrudi, segundo o jornal O Estado de S.Paulo, não tem experiência no varejo, mas atuou em diversas empresas que passavam por mudanças críticas. O executivo foi contratado em junho de 2013 pelos novos controladores do Grupo Pão de Açúcar. Na época foi divulgado que ele ajudaria no relacionamento da empresa com o governo, órgãos reguladores e a comunidade empresarial brasileira.

Segundo o Estado, a cúpula do Casino queria um executivo brasileiro para ficar no comando do Pão de Açúcar e reforçar que a empresa continua sendo uma “empresa brasileira”.

Ronaldo Iabrudi passou por empresas como Contax, Telemar, Magnesita e Lupatech.

Com informações do jornal O Estado de S.Paulo






Acesse a edição:

MAIS LIDAS

VEJA MAIS

ÚLTIMAS

VEJA MAIS