TEMA: “A CONFIANÇA É UM ELEMENTO ESTRATÉGICO PARA A EXPÊRIENCIA DO CLIENTE. POR QUÊ?”



Bebida com ação antiaging?

Bebida saborizada, CollaGen Active é coadjuvante em tratamentos de flacidez e rejuvenescimento

O processo de envelhecimento é comum a todos os seres vivos e faz parte de uma etapa natural. Afinal, o ciclo da vida se transforma todos os dias e nos leva a alterações na saúde, na estética e no estilo de vida. Conforme os anos passam, os processos fisiológicos em nosso organismo sofrem um declínio, como por exemplo a síntese de colágeno. Por isso, um dos primeiros sinais do envelhecimento está na mudança da pele, que se torna mais flácida, ressecada e com sulcos (as famosas rugas e linhas finas).

Envelhecer pode ser mais sutil se houver prevenção das mudanças que o corpo vai apresentar. Ao saber como agir, podemos repor as perdas que acontecem com a idade, minimizando ou até mesmo evitando os problemas que poderiam surgir por essa deficiência. Assim, um estilo de vida saudável, combinando a alimentação balanceada e suplementação adequada garante mais saúde e, sim, mais beleza para homens e mulheres.

Assim, cada vez mais empresas apostam no nutricosméticos, bebidas que, afirmam as empresas, aliam sabor, saúde e estética. A Buona Vita Cosméticos entrou nesse mercado com o CollaGen Active, que associa a vitamina C com o colágeno. “Essa é mais uma das vantagens do nosso produto, que já traz a associação entre vitamina c e colágeno para potencializar os resultados.”, explica Isabel Luiza Piatti, diretora Intercontinental de Treinamento e P&D da empresa.

Segundo a empresa, o produto pode ser utilizado por quem busca um complemento ao combate à flacidz e envelhicemanto precoce, além de promover a reestruturação da cartilagem, auxiliar nos processos de cicatrização tecidual, sendo indicado para consumo pré e pós-operatório e ajudar no crescimento e na manutenção de unhas e cabelos.

?O CollaGen Active deve ser consumido duas horas após a última refeição, na quantidade de duas colheres (sopa) ao dia. É durante a noite que o nosso organismo se reestrutura e promove a regeneração celular?, ressalta Isabel.

Faz realmente bem para a saúde?
Segundo a Anvisa, os produtos aliméticos se enquadram na categoria de alimentos funcionais, que produzem efeitos metabólicos ou fisiológicos por meio da atuação de um nutriente na manutenção do organismo. Apesar de atuarem quase como um remédio, a venda é liberada sem necessidade de receita, mas a agência alerta que mesmo o uso desses produtos devem ser feitos sob orientação médica, já que podem ocorrer efeitos colaterais pela alta concentração de um determinado componente.

Para a Anvisa, os aliméticos não são considerados cosméticos e, por isso, necessitam de tipo diferente de registro. Em outros países, principalmente os europeus, os produtos são classificados como alimentos. Então é preciso cuidado com o uso excessivo dos produtos nutricosméticos, ou aliméticos. Se tomados com parcimonia e seguindo as determinações do fabricante ou do seu médico, dificilmente farão mal.

No caso especifico do Collagen Active, o fabricante alerta que pessoas com propensão à queloide e cicatriz hipertrófica e aqueles com comprometimento renal não devem consumir o produto. Gestantes, lactantes, crianças e portadores de enfermidades somente devem consumir o produto sob orientação do médico ou do nutricionista.

O CollaGen Active é comercializado em frasco de 1 litro (um mês de uso diário) e custa R$ 199,80.




Acesse a edição:

MAIS LIDAS

VEJA MAIS

ÚLTIMAS

VEJA MAIS