São Paulo recebeu mais de quatro mil franquias no ano passado

Faturamento do franchising no estado foi R$ 14 bilhões maior do que em 2012

Em 2013, cerca de 4.257 novas lojas foram abertas no estado de São Paulo, segundo o balanço do mercado de franquias da consultoria Rizzo Franchise. No total, as unidades representam 69.559 revendedores em operação.

O faturamento gerado pelo mercado paulista foi de R$ 135,5 bilhões, em 2012, para R$ 149,5 bilhões, em 2013, uma alta de R$ 14 bilhões e o equivalente a 4% de toda a participação das redes de franquias no PIB Nacional.

Além disso, 101 novas marcas chegaram a São Paulo. Hoje, os franqueadores chegam a 1.495. O número total de empregos diretos gerados pelas franquias, no ano passado, também apresentou alta em relação a 2012: foram 730 mil novos empregos durante todo o período – quase 40 mil a mais na comparação com o ano anterior.

Expectativas

Segundo a Rizzo Franchise, 2014 será um ano de expansão do setor em diversas cidades do interior de São Paulo. Como muitas redes iniciam a venda de franquias primeiramente nas capitais mais próximas de onde estão instaladas, quando consolidadas, partem para as cidades interioranas. A Primicia, por exemplo, é uma marca nacional que está visando cidades como Campinas, São José dos Campos, Sorocaba e Jundiaí para possíveis pontos de expansão.




Acesse a edição:

MAIS LIDAS

VEJA MAIS

ÚLTIMAS

VEJA MAIS