WRC discute o novo papel das lojas físicas no varejo

O World Retail Congress, um dos principais eventos de varejo do mundo, que acontecerá entre os dias 29/09 e 01/10, em Paris, discutirá esse e outros temas estratégicos para as empresas do setor

As lojas físicas têm deixado de ser o destino final dos consumidores para se tornar um dos vários pontos de contato das marcas com seus clientes. Essa mudança de posicionamento se reflete no desenvolvimento de empresas com modelos de negócios impossíveis há alguns anos. É o caso da HSN, empresa de US$ 3,3 bilhões anuais que oferece experiências interativas em múltiplos canais, como lojas físicas, catálogos, celulares, internet e TV. No primeiro trimestre de 2014, as vendas online da empresa saltaram 44% na comparação anual e já respondem por 15% do faturamento da companhia.

O papel das lojas físicas tem mudado nos últimos anos. Com o avanço das vendas online, que trazem a conveniência da compra instantânea e da possibilidade de comparação de preços, tem havido uma aceleração do processo de comoditização de produtos e serviços, pressionando as margens do varejo e afastando os clientes de lojas que são meras ?prateleiras de produtos?. Deixar de ser commodity é fundamental.

Isso significa que as lojas físicas devem aproveitar os pontos de venda para criar ambientes que deem aos consumidores novas experiências, que motivem os clientes a deixar o conforto de casa. Uma das possibilidades é o conceito de retail-tainment, que mistura varejo e entretenimento para desenvolver ambientes lúdicos que levam os clientes às lojas, ampliam as vendas e reforçam a imagem das marcas.

O World Retail Congress, um dos principais eventos de varejo do mundo, que acontecerá entre os dias 29/09 e 01/10, em Paris, discutirá esse e outros temas estratégicos para as empresas do setor. Inscrições podem ser feitas pelo site www.worldretailcongress.com e assinantes da NOVAREJO têm 15% de desconto.




Acesse a edição:

MAIS LIDAS

VEJA MAIS

ÚLTIMAS

VEJA MAIS