Pizza Hut busca a classe C

Pizzas individuais a R$ 4,90 são aposta da rede para atrair novos consumidores

Para atrair novos consumidores e atingir 20% de crescimento no 2° semestre, a maior rede de pizzarias do mundo ampliou as opções de seu cardápio e desenvolveu um produto que será vendido por R$ 4,90. Chamados de ?sliders?, as pizzas individuais de 9,5 centímetros de diâmetro e 60 gramas são a grande aposta da Pizza Hut para 2014.

A Head de Marketing da Yum! Brands ? dona da marca no Brasil, Joana Fleury, disse que foram feitas pesquisas para desenvolver um produto que se encaixasse nos lanches rápidos do brasileiro. ?Com melhor custo-benefício, a ideia dos sliders é atrair novos consumidores, especialmente o aumento do potencial de público vindo da classe C?, explicou.

A empresa investiu fortemente em marketing e entrará com seu segundo filme para televisão. Haverá comunicação visual em todos os pontos de venda, campanha nos meios digitais, ações de venda online e ações específicas para consumidores fieis.

Com 84 restaurantes no País e expectativa de chegar a 100 até o final do ano, faturamento estimado para 2014 é de US$ 150 milhões, US$ 20 milhões a mais que no ano passado. Ao redor do mundo, a Pizza Hut tem 13 mil unidades em 88 países.

Criar maneiras de fazer parte da vida do consumidor acaba sendo a eterna busca de todas as marcas. Nos dias 9 e 10 de setembro, acontece o maior Congresso sobre relacionamento com clientes e relações de consumo. O CONAREC reunirá milhares de profissionais e lideranças das mais importantes empresas do país para debater conceitos e ideias inovadoras relaconados ao tema.

Acompanhe o evento nas redes sociais:


Leia mais:

Decifra-me ou devoro-te: o peculiar cenário de investimentos no Brasil

Grupo Trigo reestrutura Domino’s no Brasil

Subway volta a crescer após reestruturação

MAIS LIDAS

VEJA MAIS

ÚLTIMAS

VEJA MAIS

As IDENTIDADES do novo consumidor sem rótulos #CM25ANOS

Futuro incerto? O que pensam os futuristas em tempos de crise social

“Contágio” e outros filmes sobre epidemias para ver dentro de casa

Manu Gavassi e sua brilhante estratégia de branding. O que as marcas podem aprender com ela?

A ascenção das newsletters

VEJA MAIS