4 passos para atrair e conquistar os Millennials

Apresentação no World Retail Congress mostra como ganhar relevância junto à nova geração

Os Millennials estão no centro de uma revolução que está transformando o varejo em todo o mundo. A população entre 18 e 34 anos já soma 1,7 bilhão de pessoas no planeta e, em 2015, deverá movimentar cerca de US$ 2,45 trilhões, mais que o PIB brasileiro. Lidar com esse público, porém, é um grande desafio, pois se trata de uma geração com valores diferentes.

“Não apenas os Millennials são mais conectados: para eles, o celular é o centro da vida, o equipamento pelo qual eles conversam, se relacionam e interagem com o mundo”, disse Maryleigh Bliss, consultora da Ypulse, durante sua apresentação no World Retail Congress, que acontece nesta semana em Paris com cobertura exclusiva da revista NOVAREJO. “Eles esperam ser ouvidos e ter voz ativa para mudar o mundo à maneira deles”, afirma.

Para Maryleigh, há quatro passos fundamentais para as marcas que desejam conquistar esse público:

1) Rompa com o status quo: os Millennials preferem marcas que questionem a forma como as coisas são feitas;

2) Ouça o que eles têm a dizer: eles querem ser ouvidos e se aliam a marcas que estão dispostas a mudar o mundo com eles;

3) Transparência de verdade: não se trata de faz de conta, ou de uma mera palavra de ordem. Os Millennials querem ver como tudo funciona nos bastidores e desejam ser envolvidos no desenvolvimento de produtos e serviços;

4) Crie novas ferramentas: para um novo público, novas referências. Esse público é mobile e se comunica de forma visual. Não adianta dizer para os Millennials quem você é: é preciso mostrar quem você é, de forma instantânea.

A NOVAREJO está em Paris para a cobertura do World Retail Congress. Acompanhe pelo site 192.168.0.154/novarejo e nas redes sociais. Clique na editoria WRC e navegue por tudo o que foi publicado nos últimos meses sobre o maior evento de varejo do planeta

Leia mais:

O 1º dia de WRC, o Congresso Mundial de Varejo

Um país chamado varejo

Lojas físicas respondem por 68% das vendas

MAIS LIDAS

VEJA MAIS

ÚLTIMAS

VEJA MAIS

As IDENTIDADES do novo consumidor sem rótulos #CM25ANOS

Futuro incerto? O que pensam os futuristas em tempos de crise social

“Contágio” e outros filmes sobre epidemias para ver dentro de casa

Manu Gavassi e sua brilhante estratégia de branding. O que as marcas podem aprender com ela?

A ascenção das newsletters

VEJA MAIS