Clientes devem ser fãs

Assim como no futebol e em outros esportes, clientes devem ser fanáticos e defensores da marca.

A afirmação foi o ponto de partida da palestra de Roberto Ricossa, VP Global Inside Sales da Avaya, no Congresso Nacional das Relações Empresa-Cliente – CONAREC. Segundo ele, existem inúmeros exemplos de casos de clientes que se tornaram fãs da marca. A Harley Davidson, a Apple e a Coca-Cola e outras empresas que promovem experiência para o cliente.  ?A Coca-Cola, por exemplo, tem mais de 88 milhões de fãs nas redes sociais ao redor do mundo. Como fazer isso? Proporcionando boas experiências?, disse Ricossa.

A maneira pela qual a experiência sera criada obedece a quatro requisitos. São eles: modelo de negócio, entender o cliente, superar a expectativa e a cultura do negócio. ?Quem faz o negócio é a empresa, que organiza o seu modelo de negócio. Depois é preciso entender o que o cliente quer e dar-lher algo que supere sua expectativa. Por fim, precisamos pensar nas pessoas que trabalham na empresa, pois também precisamos transformá-los em fãs?, disse.

 

Leia mais:

Sua marca na porta da frente

Como falar a língua digital

Contact centers precisam treinar para melhor atender






MAIS LIDAS

VEJA MAIS

ÚLTIMAS

VEJA MAIS Prêmio Consumidor Moderno

CM 255: Tudo o que você precisa saber sobre o consumidor na pandemia

Você já conhece as Identidades do consumidor?

VEJA MAIS