Piauí recebe R$ 1,8 bilhão para investir em energia eólica

O valor foi obtido através de uma parceria com a Contour Global Latam, a maior empresa de investimentos no setor em toda a América Latina

Por: - 4 anos atrás

 
O anúncio foi feito em fevereiro e os resultados efetivos na produção energética devem aparecer ainda em 2015. ?Estamos investindo na região da chapada do Piauí, nos municípios de Marcolândia, Simões e Padre Miguel. Esses investimentos estão em andamento e os parques entram em operação neste ano, contribuindo com a geração de energia para o país no momento crítico?, informou a CEO da empresa, Alessandra Marinheiro, em nota oficial.

 

O governador do Piauí, Wellington Dias, aproveitou a oportunidade para reafirmar o seu compromisso com as soluções em energia renovável. Segundo ele, o seu estado tem um enorme potencial para diferentes fontes alternativas e isso precisa ser aproveitado.

 

Conforme informações oficiais, o investimento de R$ 1,8 bilhão será destinado a três projetos específicos de parque eólicos, adquiridos em leilões oficiais realizados em 2013. O primeiro projeto a ser inaugurado está previsto para entrar em operação no mês de setembro, com capacidade para produzir 205 MW. Os outros dois devem ser entregues em janeiro de 2016, com potencial para produzir 172 MW e 60 MW.

 

Além de servirem como alternativa para garantir a distribuição de energia elétrica, o governador exaltou a importância dos projetos para a economia e desenvolvimento local. A estimativa é de que até a entrega das estruturas, tenham sido gerados 700 empregos diretos e outros dois mil indiretos. O governo também recebeu programas educacionais para capacitar os trabalhadores.
 
Fonte: CicloVivo.
 
Leia mais:
Energia limpa: benefícios para quem a produzir e vender excedente
Energia limpa: momento mais que propício ao investimento
Bioeletricidade: energia elétrica limpa e renovável