BFFC fecha capital nos EUA

Dona da rede Bob?s acredita que decisão tornará a empresa mais ágil

O grupo Brazil Fast Food Corporation (BFFC), controlador das redes Bob?s e Yoggi e franqueadora das marcas Pizza Hut, KFC e Doggis no mercado nacional, entrou em acordo com seus acionistas minoritários para fechar o capital da empresa, que deixará de ter ações negociadas em Bolsa. Em entrevista ao jornal Valor Econômico, o CEO do grupo, Ricardo Bomeny, disse que a mudança dará mais agilidade à empresa para tomar decisões, acessar financiamentos (como linhas do BNDES vedadas a quem tem investidores estrangeiros) e reduzir custos operacionais e jurídicos.

Segundo o executivo, a sede da BFFC continuará nos Estados Unidos. Mesmo em um cenário mais desafiador, a empresa pretende fechar este ano com um crescimento acima de 10% nas vendas, que em 2014 foram de R$ 1,49 bilhão (crescimento de 13,7% em relação a 2013). A empresa espera investir, nos próximos cinco anos, cerca de R$ 1 bilhão em marketing, expansão e reforma de lojas, sendo 75% desse valor com recursos de franqueados.

Em 2015, a expectativa é abrir 170 pontos de venda com a bandeira Bob?s, dos quais mais de 40 foram inaugurados no primeiro trimestre.

No dia 15 de maio, em São Paulo, o Seminário de Investimentos NOVAREJO mostrará que a governança corporativa é uma ferramenta essencial para que as empresas ampliem sua capacidade de captação de recursos e de expansão de lojas. Venha debater com varejistas, fundos de investimentos, bancos e analistas como adotar governança e crescer mais que a concorrência. Os interessados podem verificar as condições de participação em 192.168.0.154/novarejo/seminario

Leia mais:
BFFC quer chegar a 2 mil pontos de venda em cinco anos

As franquias mais internacionalizadas do País






ACESSE A EDIÇÃO DESTE MÊS:

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

MAIS LIDAS

VEJA MAIS

ÚLTIMAS

VEJA MAIS

CM 256: Os vencedores do Prêmio Consumidor Moderno de Excelência em Serviços ao Cliente

CM 255: Tudo o que você precisa saber sobre o consumidor na pandemia

Você já conhece as Identidades do consumidor?

VEJA MAIS