Rede Smart: como construir e manter uma presença nacional?

A integração dos filiados com a cultura da companhia é a principal característica da empresa

 

Em 15 anos de atuação, a Smart Supermercados conquistou 950 lojas ? e, em 2015, tem a meta de chegar a mil unidades. Tudo isso, na visão de Gilmario Cavalcante, diretor da rede, foi construído pela integração total com seus filiados pregada pela rede, que orienta as atuações regionais e compartilha os valores da companhia.

?Oferecemos orientações para todas unidades, isso agrega valor à cadeia. Se o filiado não for bem, nós não estamos indo bem como rede?, acredita. Assim, a marca distribui seu material e softwares de monitoramento, seja para dimensionar o tamanho da equipe, a distância entre as lojas, etc.

Fora isso, Cavalcante vê o foco no consumidor como o ponto mais importante de toda a atuação. ?Não basta vendermos produtos, precisamos ter todos os meios de pagamento, garantir benefícios e comodidade?, explica.

A rede procura variar o ambiente das lojas, principalmente em datas sazonais, para fomentar a simpatia dos clientes por aqueles momentos. Ao momento tempo, investe em ferramentas de fidelização. Analisando o comportamento dos consumidores, bem como suas preferências de compra, a assertividade no abastecimento de produtos aumenta.

O programa de fidelidade também segue essa linha de personalização, buscando as preferências de cada membro para ofertar produtos específicos, promoções especiais. ?Também buscamos ofertar serviços convenientes, como pagamento de contas, recarga de celular?, lembra o diretor.

Parceiros

A rede atualmente oferece 100 produtos de marca própria, todos oferecidos por parceiros fortes, como Bauduco, Bombril e 3M. Concomitante, a companhia procura aumentar o market share das parcerias. ?A Ambev, por exemplo, tem um market share de 70% nas nossas lojas. A Rede, no mercado brasileiro, tem um market share de 37% enquanto nas nossas lojas esse número chega a 64%?, destaca Cavalcante.

Ferramentas

As equipes dos supermercados da rede Smart contam com tablets para ter total controle da loja, dos produtos e faturamento. Assim, na visão do diretor, o colaborador também pode atuar auxiliando na gestão da loja.

As pessoas, inclusive, são vistas como o principal capital da companhia. ?Fazemos alinhamento de estratégias e nossos colaboradores são constantemente capacitados. O que mais vendemos é serviço por isso é tão importante manter esse elo?, aponta o executivo.

?Nossas metas só crescem. Eficiência, para nós, não é algo que começa hoje e termina amanhã, precisa continuar sempre?, finaliza.




Acesse a edição:

MAIS LIDAS

VEJA MAIS

ÚLTIMAS

VEJA MAIS