A classificação indicativa para jogos de smartphones

Os celulares chegam à mão das crianças cada vez mais cedo. Mas, você conhece bem os jogos aos quais seu filho tem acesso?

Por: - 4 anos atrás

Assim como os filmes, os jogos para smartphones, oferecidos na Apple Store ou no Google Play, possuem uma classificação indicativa quanto à idade dos jogadores ? desde agosto de 2012. Alguns dos critérios são comuns tanto para filme quanto para games, como é o caso da exibição de algum tipo de violência, cenas de sexo ou linguagem inapropriada.

No entanto, o universo dos games possui um detalhe curioso: a compra digital. Muitos desses jogos oferecem a possibilidade de comprar o jogo ou obter alguma vantagem, como pular uma fase ou adquirir itens mediante o pagamento de uma determinada quantia.

Leia também: Você sabe o que seu filho faz na internet?

Ocorre que a brincadeira virtual é coisa séria: ela tem um custo em dinheiro real e depende de um cartão de crédito, que somente é concedido a pessoas com mais de 18 anos (ou entre 16 e 18, para emancipados).

Porém, há uma aparente flexibilização quanto ao uso do cartão e, ao menos por enquanto, essas informações têm caráter meramente informativo – afinal, é praticamente impossível impedir uma pessoa de 13 anos fazer o download de um jogo para jogadores com mais de 14. Esse controle deve ser feito por um adulto, que pode verificar a faixa etária do jogo dentro da Apple Store ou no Google Play.

Leia também: As 20 maiores conquistas do consumidor brasileiro

 A imagem do Ministério da Justiça explica como encontrar a faixa etária:

Alguns exemplos de jogos e faixa etária:

* Candy Crush Soda ? livre;

* Clash of Clans ? 10 anos (violência e compras digitais);

Leia também: CDC: os direitos do consumidor no universo de compra online

* Clash of Kings ? 12 anos (violência, linguagem imprópria, interação de usuários e compras digitais);

* The Simpsons ? Tapped Out ? 14 anos (conteúdo sexual, drogas e compras digitais);

* GTA San Andreas ? 18 anos (violência, conteúdo sexual, drogas e ilícitas).
 
Acompanhe nossa cobertura nas redes sociais sobre a comemoração de aniversário do CDC por meio da #CDC25anos.