Poupatempo se torna mais digital

Após dobrar de tamanho desde o início do ano passado, o programa entra agora em uma nova fase que terá como prioridade os serviços eletrônicos prestados pela internet ou aplicativos para celulares

O programa Poupatempo, criado há 18 anos para desburocratizar a vida dos cidadãos que precisam de serviços públicos em São Paulo, completa 18 anos neste mês de outubro com 460 milhões de atendimentos já realizados. O número representa mais de duas vezes a população brasileira, estimada em 204,8 milhões de habitantes.   

Após dobrar de tamanho desde o início do ano passado, o programa entra agora em uma nova fase que terá como prioridade os serviços eletrônicos prestados pela internet ou aplicativos para celulares, além de totens de autoatendimento e outras novidades tecnológicas que permitem facilitar ainda mais a vida dos cidadãos, segundo o titular da Subsecretaria de Tecnologia e Serviços ao Cidadão, Júlio Semeghini.

?Com as novas tecnologias hoje existentes, vamos poupar cada vez mais o tempo dos cidadãos?, acrescenta Semeghini, que foi um dos criadores do programa na gestão do ex-governador Mário Covas, em 1997, quando era presidente da Prodesp, empresa de tecnologia da informação do governo do Estado de São Paulo que administra o programa Poupatempo.

Atualmente, o Poupatempo atende cerca de 170 mil atendimentos por dia, 30 mil a mais que no ano passado, quando 31 novas unidades foram inauguradas, praticamente dobrando o tamanho do programa. Em 2015, mais três postos foram abertos em Santo André, Taboão da Serra e Itaquaquecetuba, e hoje o Poupatempo está em todas as regiões administrativas do Estado.

Atualmente, o Poupatempo conta com 12,9 mil colaboradores, entre funcionários públicos, terceirizados, estagiários, médicos e voluntários de programas como o Escreve Cartas e Voz Amiga.

?Para o Poupatempo, o cidadão é sagrado?, explica Tânia Andrade, superintendente de operações do programa, destacando que o foco no atendimento eficiente e cordial, principal regra do Poupatempo. ?O programa foi concebido para oferecer ao usuário um local com os principais serviços públicos em um ambiente confortável, com foco no respeito aos direitos dos cidadãos?.

Saiba mais em www.poupatempo.sp.gov.br

MAIS LIDAS

VEJA MAIS

ÚLTIMAS

VEJA MAIS

As IDENTIDADES do novo consumidor sem rótulos #CM25ANOS

Futuro incerto? O que pensam os futuristas em tempos de crise social

“Contágio” e outros filmes sobre epidemias para ver dentro de casa

Manu Gavassi e sua brilhante estratégia de branding. O que as marcas podem aprender com ela?

A ascenção das newsletters

VEJA MAIS