Adesivo de insulina pode substituir a injeção

Cerca de 350 milhões de pessoas no mundo sofrem de diabetes, segundo a Organização Mundial da Saúde

Por: - 4 anos atrás

 
Pesquisadores da Universidade da Carolina do Norte, EUA, desenvolveram um adesivo que substitui a injeção de insulina. Ele possui o tamanho de uma moeda e dezenas de micro agulhas compostas por insulina e enzimas com sensores de glicose. 

Essas enzimas são capazes de detectar automaticamente as taxas de glicose no sangue, e assim, gerenciam e emanam a insulina de maneira indolor.

?Nós projetamos um dispositivo para diabetes que trabalha rápido, é fácil de usar e é feito de materiais biocompatíveis, não tóxicos. Todo o sistema foi personalizado de acordo com o peso de um diabético e sua sensibilidade à insulina, para que pudéssemos fazer o dispositivo inteligente ainda mais inteligente?, conta Gu Zhen, co-autor sênior, PhD e professor da UNC.

Os testes foram feitos em ratos portadores de diabetes do tipo 1. O resultado constatou a diminuição da glicose por até nove horas. 

?É muito emocionante, mas muito preliminar. Levará anos para descobrir se isso realmente vai funcionar bem em seres humanos. Mas se isso acontecesse, seria incrível?, comenta John Buse, co-autor do estudo e diretor da UNC Diabetes Care Center.

*Via Hypeness.