Inovação que salva vidas

Conheça o hospital que é pioneiro desde sempre, com um único objetivo: preservar a vida

A massificação da informação ao redor do mundo criou um enorme desafio para médicos e hospitais. Nas linhas do tempo das redes sociais surgem as mais variadas histórias sobre um tratamento ?disso? ou remédio ?daquilo?. São elas que alimentam a esperança sobre o bem mais precioso desta edição especial da Consumidor Moderno: a vida.

Assim, a existência de um setor de inovação dentro do Hospital Sírio- Libanês é fundamental para avaliar, investigar e estudar as inovações em ebulição ao redor do mundo ? e que não são poucas.

A mais recente inovação não apenas aprimora a distribuição do remédio, mas reduz custos internos: a farmácia automatizada, uma tecnologia italiana que armazena, organiza e separa os medicamentos dos pacientes do hospital. E sem falar no portal do paciente, cuja ideia é oferecer um ambiente com as informações mais importantes. ?A inovação está no nascedouro do hospital. Fizemos a primeira UTI do País, entre outras práticas pioneiras. Inovação representa um grande desafio para a área de saúde por inúmeras razões. E a comunicação com o paciente é uma delas?, disse Antonio Carlos Onofre de Lira, superintendente técnico hospitalar do Sírio-Libanês.

MAIS LIDAS

VEJA MAIS

ÚLTIMAS

VEJA MAIS

Quanto custa abrir uma franquia de varejo no Brasil?

Home office é tendência de trabalho para 2020: veja 5 dicas

“Parasita”: Pessoas, baratas, parasitas e a diluição da identidade

Manu Gavassi e sua brilhante estratégia de branding. O que as marcas podem aprender com ela?

Quais são as tendências para 2020. Veja a lista

VEJA MAIS