Cautelosos, MPEs pararam os investimentos

Pesquisa mostra que maior parte dos micro e pequenos empresários está cortando os investimentos. Entenda

O cenário econômico incerto está afetando os planos de investimento dos micro e pequenos empresários. É o que mostra pesquisa do SPC (Serviço de Proteção ao Crédito) com a CNDL (Confederação Nacional dos Dirigentes Lojistas).

O indicador caiu de 27,18 pontos para 25,16 pontos, entre novembro e dezembro de 2015. Quanto mais próximo de 100, maior é a propensão ao investimento. Ao todo, 70% dos MPEs não pretendem investir nos próximos três meses.

Leia também
MPEs querem ficar longe do crédito

“O número reflete a desconfiança com o cenário econômico. As projeções para 2016 apontam para mais um ano de queda do PIB, que pode chegar a 3%. Diante desse quadro, o incentivo para expandir os negócios ou realizar melhorias é menor”, explicou, em nota, a economista-chefe do SPC Brasil, Marcela Kawauti.

Dos poucos que pretendem investir, a reforma da empresa é o principal motivo, mencionada por 40,6% dos entrevistados. Também aparecem com destaque a aquisição de equipamentos e maquinário (33,7%), mídia e propaganda (26,9%) e a ampliação dos estoques (25,7%). Entre eles, a maioria pretende usar capital próprio (66,3%) e outros 27,4% pretendem recorrer a empréstimos em bancos e financeiras.

Leia também
App conecta MEIs a potenciais clientes






Acesse a edição:

MAIS LIDAS

VEJA MAIS

ÚLTIMAS

VEJA MAIS