O QUE VOCÊ SABE SOBRE GATOS?

Fabricante de ração lança campanha para que as pessoas percam o preconceito com felinos

vvvita/ Shutterstock

Os gatos são seres controversos. Cultuados como deuses em alguns lugares, sofrem com o preconceito e rejeição dos humanos em outros. Aqui em terras brasileiras, apesar de os bichanos conquistarem cada vez mais espaço nos corações humanos, ainda há muito preconceito com eles. Gato preto dá azar, gato não gosta do dono, gosta da casa, gato é traiçoeiro são frases comuns a respeito deles.

Para provar que essas falas são puro preconceito, a Mars, fabricante da ração Whiskas, fez uma parceria com o grupo de humor Cia. Barbixas para criar a websérie Barbixanos. Anderson Bizzocchi, Daniel Nascimento e Elídio Sanna uniram-se à marca para alertar as pessoas o quanto gatos são vinculados a coisas negativas, chamando-as a se desprender desses preconceitos.

O gato preto Fluffy, ao lado de seu dono Michel e do veterinário Jorge, mostrará sua visão sobre os sete mitos mais comuns que o envolvem: Gato preto dá azar, não gosta de banho, cães e gatos não se dão bem, gatos são traiçoeiros, transmitem toxoplasmose, têm sete vidas e não se apegam aos donos. O Barbixa Anderson, que interpreta Fluffy, fez um laboratório de “como ser gato” com o bichano mais famoso da América Latina: Chico, do blog Cansei de Ser Gato.

A série semanal, que estreia hoje, faz parte do movimento “Permita-se, conviva”, da Whiskas, que integra uma série de ativações para incentivar o público a entender o universo dos bichanos. Em 2015, além do Petiscos (Julia Petit) e Cansei de Ser Gato, os blogs A Louca dos Gatos, Onde o Meu Gato Senta, Ricota Não Derrete e Tudo Gato abordaram temas sensíveis, destacando as características positivas dos gatos via conteúdo editorial.

Confira o vídeo da semana: Gato preto NÃO dá azar

https://youtu.be/8kzdue3Q_cQ






ASSINE NOSSA NEWSLETTER

MAIS LIDAS

VEJA MAIS

ÚLTIMAS

VEJA MAIS

CM 256: Os vencedores do Prêmio Consumidor Moderno de Excelência em Serviços ao Cliente

CM 255: Tudo o que você precisa saber sobre o consumidor na pandemia

Você já conhece as Identidades do consumidor?

VEJA MAIS