4 erros comuns que podem danificar o liquidificador

Confira essas dicas que ajudarão a evitar problemas com o eletrodoméstico

Por: - 4 anos atrás

Tatiana Mihaliova/ Shutterstock

A praticidade do liquidificador faz com que ele seja um dos eletrodomésticos preferidos das pessoas. Afinal, basta acrescentar todos os ingredientes e bater. A sujeira é menor e a limpeza do copo é cada vez mais fácil, com modelos autolimpantes.

Assim, receitas de sucos, vitaminas, smoothies, massas, sopas e muito mais tornam-se muito práticas com o liquidificador. Mas sua eficiência pode ser prejudicada se alguns cuidados não forem tomados. A Electrolux apresentou quatro práticas muitas vezes comuns que podem danificar o aparelho. Confira abaixo:

1. Líquidos quentes: a jarra de plástico da maioria dos liquidificadores pode não suportar o calor e trincar, principalmente se a temperatura do líquido estiver acima de 80ºC. Para maior durabilidade e conservação da jarra, é importante alguns cuidados, como certificar que a temperatura do líquido não esteja acima de 80ºC e manter a tampa aberta para esfriar um pouco, antes de bater. O modelo BBR50 da Electrolux, possui jarra resistente de material San Cristal, que suporta líquidos em altas temperaturas sem danificar ou manchar a jarra.

2. Sobrecarregar o aparelho: a sequência de ingredientes deve começar com os líquidos, pois eles criam um vortex que puxa os sólidos para baixo, e depois acrescentar os ingredientes secos. Mesmo assim, liquidificadores de pouca potência podem não dar conta do recado e terem o motor queimado. O BBR50 da Electrolux tem 550 Watts, potência ideal para todas as receitas, inclusive gelo e massas.

3. Amolar as lâminas: fora de cogitação. Pode danificar o produto permanentemente, fazendo com que o liquidificador perca o desempenho. Uma dica para as laminas ficarem afiadas por muito mais tempo é, ao triturar gelo, usar a posição pulsar, para que as lâminas não congelem e não colocar grande quantidade de gelo. O liquidificador BBR50 da Electrolux possui lâminas integradas de aço inoxidável, com formato especial e desenvolvidas para se manterem afiadas por mais tempo.

4. Lavar a jarra com o lado áspero da esponja: esse velho hábito risca a jarra e faz com que ela perca toda a transparência, ficando opaca, além de criar arranhões que podem acumular sujeira. Sempre lave com o lado macio da esponja. O BBR50 possui jarra fácil de lavar. Uma dica é colocar um pouco de detergente com 300 ml de água e bater por alguns segundos, usando a função pulsar. Depois enxague bem e seque antes de guardar.