Estratégia de recuperação de crédito: aprenda com o banco

Uma instituição financeira pode auxiliar o consumidor a se manter no azul, sem que o caixa entre no vermelho? Confira

Por: - 3 anos atrás

Shutterstock

A mais recente iniciativa do Banco do Brasil foi a implementação de uma estratégia de crédito que fortalece o compromisso da instituição com a educação financeira dos clientes para construir relacionamentos de longo prazo. A campanha estimula as melhores práticas na escolha da linha de crédito mais adequada para cada necessidade.

A instituição tem mais de 12 milhões de clientes pessoas físicas com limites de crédito aprovados. O objetivo é que eles e toda a sociedade conheçam melhor as opções de crédito oferecidas pelo banco para que tenham condições de tomar decisões fundamentadas, sem perder o equilíbrio financeiro.

Entre as ações da campanha, está a divulgação do site, que, além de oferecer acesso a simuladores para a escolha da linha de crédito mais adequada para cada momento de vida ou necessidade do cliente, reúne informações completas sobre soluções de crédito pessoal, crédito veículo, imobiliário, solução de dívidas, cheque especial e crédito rotativo do cartão.

Só em novembro de 2015, quando a campanha foi lançada, registrou aproximadamente 39 mil acessos, um incremento de 112% em relação ao mês anterior.

“Além de disseminar informações claras, estruturadas e didáticas sobre as melhores práticas na escolha da linha de crédito mais adequada às necessidades de cada cliente, o Banco do Brasil também tem o objetivo de tratar preventivamente o combate à inadimplência, permitindo a construção de um círculo virtuoso que beneficia tanto os clientes quanto a própria instituição, por meio da consolidação de uma carteira de crédito com mais qualidade”, afirma Simão Luiz Kovalski, diretor de Clientes Pessoas Físicas.

“Acreditamos que tão importante quanto detalhar as linhas e as taxas de crédito para o cliente é compreender a solicitação dele. Conversar com ele para entender sua situação e oferecer o crédito mais adequado às suas necessidades e à sua capacidade de pagamento é premissa de qualquer atendimento realizado pelos funcionários do banco. Essa é uma prática que precede a realização do negócio, sempre que o funcionário tem essa possibilidade de orientar o cliente”.

Um conjunto específico de linhas de crédito está sendo priorizado para auxiliar os clientes na organização das finanças pessoais. Dentre as principais, podemos destacar a oferta do CDC renovação, além de outras linhas de menor custo para o cliente, como o crédito consignado e os financiamentos cuja garantia da operação é o imóvel ou o veículo do cliente.

São linhas que possibilitam renovar ou liquidar uma linha de crédito já contratada, bem como dívidas envolvendo a utilização do cheque especial ou rotativo do cartão de crédito. Considera-se apenas o saldo devedor atual (sem os juros das parcelas futuras) e reduz-se o valor da prestação, ou ainda, caso seja de interesse do cliente, é possível renovar a linha, alongando o prazo, diminuindo o impacto para o cliente e liberando alternativas de busca de novos recursos, quando possível.

Para as situações em que o cliente não recorre ao atendimento pessoal, o Banco do Brasil desenvolveu o Orientador do Uso do Crédito Responsável, uma ferramenta digital de assessoria financeira que estimula a maior compreensão das soluções oferecidas pela instituição e, consequentemente, a tomada de decisão mais bem fundamentada.

“Com essa atuação preventiva, o banco gera redução do custo para o cliente e ganhos no relacionamento duradouro e sustentável, de forma que todos sejam beneficiados”, enfatiza Edmar Casalatina, diretor de Empréstimos e Financiamentos do Banco do Brasil.

Treinamento de pessoal

A instituição também orienta os funcionários da rede de atendimento a fazerem a gestão das carteiras de clientes e contatarem aqueles que, por exemplo, estão usando limites de cheque especial e de rotativo de cartão de crédito com muita frequência, ou que atrasaram parcelas de suas dívidas.

Nesse contato, é importante identificar se há um problema com a renda, como atraso de salário ou perda de emprego, ou se o cliente esqueceu-se de pagar uma parcela ou usa equivocadamente um crédito por desconhecer outras opções com taxas menores. Unificar a dívida do cliente em uma única linha de crédito com um prazo compatível com a sua possibilidade de pagamento favorece mais conforto para administrar o orçamento mensal.

Para os clientes endividados que preferem o autoatendimento, existe o portal Solução de Dívidas. Por meio dele, foram contabilizadas mais de 204 mil renegociações de dívidas, totalizando R$ 2,1 bilhões em acordos fechados até fevereiro de 2015. O portal permite ao cliente parcelar o saldo devedor do cartão de crédito, do cheque especial, de empréstimos e de outras operações, tudo junto, em uma única parcela mensal.

Esse protagonismo tem contribuído para orientar, facilitar e acelerar a regularização e a quitação de débitos.

 

Quer saber mais sobre o mercado de Crédito e Cobrança? Participe do Recover Money.

 

Serviço

O que: Recover Money

Quando: 11 de maio de 2016

Onde: FecomercioSP

Realização: revista Consumidor Moderno

Mais informações: www.recovermoney.com.br ou pelo telefone 55 11 3125-2215