Quer trabalhar na Austrália?

Conheça as 3 áreas na Austrália que mais demandam trabalhadores estrangeiros

Por: - 3 anos atrás

Shutterstock

Alguns países já são o que chamamos de “país de idosos”, ou seja, quando a participação de idosos na população total é maior que a de crianças e jovens. A Austrália é um bom exemplo de país que está envelhecendo, e em que a parcela potencialmente ativa fica cada vez menor. Portanto, há espaço para que imigrantes jovens e qualificados preencham essa lacuna.

Esse é apenas um dos motivos pelos quais a Austrália é um dos países que mais demandam trabalhadores estrangeiros, para que possam ocupar posições que estão em falta no país dos cangurus. Não coincidentemente, já que a população está envelhecendo, uma das áreas que mais oferecem vagas é a chamada “Health and Community Services”, com funções ligadas à área da saúde e serviço social.

Enfermagem, construção e mecânica são áreas prósperas para imigrantes que decidem viver no país. Veja qual o salário médio anual em cada área e como funciona a concessão do visto para esses profissionais.

“Enfermeiros, cuidadores e pessoas especializadas na área de cuidados especiais são extremamente necessários na Austrália e essas profissões sempre figuram na Skilled Ocuppation List, a lista oficial que mostra as profissões mais requisitadas pelo governo australiano”, explica MaCson Queiroz, diretor da M.Quality, empresa de Assessoria em Imigração e Negócios para a Austrália.

A remuneração para enfermeiros qualificados é um dos atrativos: o salário começa em $ 55 mil dólares australianos (cerca de R$ 155 mil) por ano.

Mineração e Engenharia

O setor de mineração é um dos mais fortes na economia australiana e, por isso, emprega diversos profissionais. “O leque de profissionais requisitados também é muito amplo e o setor emprega desde engenheiros e geólogos até administradores, entre outras áreas de formação, que são fundamentais para manter a estrutura de uma empresa”, cita o diretor da  M.Quality. A remuneração anual é cerca de $ 164 mil dólares australianos (cerca de R$ 460 mil).

Outras áreas da engenharia e construção também ofertam muitas vagas aos estrangeiros. “Gerentes de projetos em construção civil, arquitetos, engenheiros, mestre de obras e pedreiros também são requisitados.” A média salarial dessa área gira em torno de $122 mil dólares australianos (aproximadamente R$ 341 mil) por ano.

Setor de Serviços Gerais

A área de serviços gerais, que inclui o setor de beleza, gastronomia, comércio, turismo também são grandes geradoras de empregos aos imigrantes qualificados. “É bom salientar que para algumas dessas áreas não é exigido o diploma universitário, sendo assim opções para jovens profissionais experientes que vieram estudar, mesmo que não tenham obtido um título universitário”, completa MaCson. A média de remuneração anual é de cerca de $ 70 mil dólares australianos (R$ 182 mil).

Como tirar o visto?

O processo de obtenção do visto de imigração na Austrália não é simples. Por isso, é importante contar com uma agência imigratória experiente, especializada e que seja validada pelo governo australiano.

“O objetivo da agência é fazer esse profissional ganhar tempo, já que o processo é demorado e requer conhecimento da legislação australiana. Orientamos que a pessoa faça uma avaliação de elegibilidade do visto para saber se está realmente apta para entrar com o processo na categoria desejada e evitar perdas financeiras. O consultor a ajudará a iniciar o requerimento de visto corretamente, aumentando as chances de sucesso”, recomenda o diretor da M.Quality.

A M.Quality disponibiliza no site o “1º. Passo Gratuito”, um serviço gratuito do guia de elegibilidade que avalia se o candidato é elegível para uma das categorias de vistos australianos que pretende requerer. Ao preencher o formulário no site, e sendo elegível a uma das categorias, você recebe um convite para assistir gratuitamente ao vídeo Elegibilidade e Agora?”, no qual será explicado o escopo do trabalho da M.Quality e demais orientações e esclarecimentos imigratórios.