7 passos para o seu app ser descoberto e ganhar usuários

Especialista explica o que fazer depois que o empreendedor consegue lançar um aplicativo. Porque conseguir espaço nas lojas de apps não é suficiente

Você passou meses, às vezes anos, desenvolvendo um aplicativo. E finalmente conseguiu que ele entre nas lojas da Apple e do Android. Agora é esperar, correto? Não. Existem milhares e milhares de aplicativos e chamar a atenção do consumidor para o seu não é das tarefas mais fáceis.

O que fazer depois que o app está no mercado? A AppsFlyer, empresa medidora de resultados de aplicativos, mostra alguns passos importantes para que o seu app seja descoberto e ganhe usuários.

1. Seja esperto e criativo com seu upload na App Store
App Store Optimization (ASO) é ao mesmo tempo uma arte e uma ciência para se lidar. Seja criativo e garanta que seu ícone se destaque dos outros. Inclua prints da tela do aplicativo na lista da loja, identifique e utilize as melhores palavras-chave para a descrição.

2. Divulgue o máximo que puder nos meios digitais
Promova seu app e acione anúncios nas mídias sociais: Facebook Ads, Posts patrocinados, Instagram, Twitter… Faça com que as pessoas falem sobre ele e estimule que os usuários dêem notas e resenhas sobre seu app dentro da loja. Faça uma campanha intensiva de curto prazo para que o usuário
adquira seu app e você tenha downloads e notas de revisão. Tanto as lojas da Apple quanto da Google colocam mais alto no ranking aplicativos com maior número de downloads e opiniões.

3. Conheça o significado de “Atribuição” – você vai precisar
Saber de onde o usuário veio é o primeiro passo para avaliar a performance de seu app. Atribuição é justamente isso: entender de onde veio o usuário que baixou um aplicativo. É atribuir uma origem ou uma fonte. É certo que baixamos os aplicativos das lojas Google Play ou App Store, mas antes de chegar lá, o usuário viu uma publicidade ou alguma outra comunicação que motivou o download.

4. Entenda o que o usuário está fazendo
Depois que lançou e divulgou, a única coisa que o desenvolvedor do app tem como saber é quantos downloads o app tem. Mas é preciso ir além para garantir a aderência e a sobrevivência do aplicativo. É preciso saber o que fazem as pessoas uma vez que já baixaram. Usam quantas vezes por dia? Para que? Em que lugar?

5. Saiba quantos estão desinstalando e de onde
Não basta saber quantas pessoas estão baixando. É preciso saber quantas estão desistindo do app. Isso ajuda os desenvolvedores e anunciantes a melhorar o app de formas diferentes que aumente a experiência e a utilidade dele para os usuários, gerando menos desinstalações.

6. Realinhe a estratégia e o investimento na divulgação em tempo real
Com todas essas informações em mãos, o responsável pelo marketing ou divulgação do app deve mudar rapidamente os canais de divulgação de acordo com os resultados. Se vieram mais usuários por meio de posts patrocinados em Facebook, invista mais lá. Se houve resposta boa por banners em determinados
sites, invista mais neles também. Retire o investimento em canais que não estão trazendo resultado. Repense a comunicação de acordo com a usabilidade do aplicativo.

7. Nunca pare
O trabalho de divulgação e promoção de um app nunca acaba. Ele necessita do exato mix de criatividade e imaginação com uma mentalidade voltada a dados alinhada com sua marca. A divulgação precisa de comprometimento para maximizar seus esforços de promoções e fornecer ao usuário a melhor experiência possível. Já que smartphones são os dispositivos mais pessoais e mais importantes para os indivíduos no mundo de hoje, a recompensa para quem faz o trabalho de promoção de um app bem feito, acaba sendo um divisor de águas.






Acesse a edição:

MAIS LIDAS

VEJA MAIS

ÚLTIMAS

VEJA MAIS