A tecnologia deve estar a favor do cliente

A tecnologia das empresas começou a mudar de posicionamento. Entenda essa evolução na opinião de Cássio Azevedo, sócio-fundador da AeC, um dos maiores contact centers do País

Por: - 3 anos atrás

shutterstock

Evidentemente que a evolução tecnológica teve um avanço significativo nos últimos anos e a importância do conhecimento de todas essas novas ferramentas para a sua aplicação nos negócios é fundamental.

Para a AeC, a tecnologia das empresas começou a mudar de posicionamento com o Costumer Relationship Management (CRM). “Ele foi uma ferramenta fundamental para a empresa entender o seu posicionamento, as adaptações necessárias e, consequentemente, para o crescimento da companhia”, avalia Cássio Azevedo, sócio-fundador da AeC.

Como o desenvolvimento de novas tecnologias, hoje uma ferramenta muito utilizada pelas empresas na compreensão das necessidades do cliente e do próprio negócio é o Big Data. “No CRM era possível ter um overview e descobrir sempre o que a maioria dos clientes quer. Já o Big Data enxerga cada cliente como único e, a partir desse conhecimento, a empresa pode buscar um atendimento quase que exclusivo para um melhor resultado de seus negócios”, compara Azevedo.

O que é essencial e o que é necessário?

Segundo Azevedo, para conseguir mais assertividade nessas escolhas em Big Data é necessário que as lideranças sempre acompanhem as tendências do mercado e saibam utilizar o que é oferecido. “Hoje, quem acompanha fielmente o avanço da tecnologia consegue identificar o que é essencial e o que é desnecessário para o negócio. Isso permite colocar na balança o que é realmente útil e o que é descartável”, aponta.

Para a AeC, as lideranças brasileiras devem estar atentas e preparadas para a adoção das ferramentas tecnológicas e, mais do que isso, devem se “fundir com o cliente” para que, a partir da utilização da tecnologia correta, sua empresa alcance o posicionamento desejado. “Essa deve ser a visão de um líder de mercado”, frisa Azevedo.

A AeC enxerga claramente cada fase dessa “jornada tecnológica” e tem trabalhado incessantemente em aplicações e novidades que deixam a companhia cada vez mais atualizada quando o assunto é melhoria do atendimento. Exemplo disso é a grande novidade da AeC, o Robbyson.

“Essa solução é capaz de aplicar as ferramentas Big Data, Data Analytics, CRM e Algoritmos de Consumo em uma plataforma de autogestão de atendimento ao cliente”, resume Azevedo. “Entendemos que a tecnologia tem de ter sempre o foco de atender melhor o cliente, mais rápido e com a resposta que ele espera. Isso garante o nível do serviço e de satisfação esperado”, finaliza.