GPA abre 9 lojas e vendas sobem 5% no 2º trimestre

Grupo supermercadista acumula receita líquida de R$ 16,7 bilhões no período, com destaque para o segmento alimentar. Via Varejo inicia recuperação

O GPA anunciou crescimento ajustado de 5% no segundo trimestre nas vendas. Ao todo, a receita líquida foi de R$ 16,7 bilhões no período. No trimestre, o Grupo abriu 9 lojas, sendo 7 lojas do segmento alimentar, uma da Casas Bahia e uma do Ponto Frio. Nos últimos 12 meses foram inauguradas 59 novas operações.

O destaque do trimestre foi, novamente, o segmento alimentar – que engloba as bandeiras Extra, Pão de Açúcar, as bandeiras de vizinhança e o atacarejo Assaí. Esse grupo registrou crescimento de 11,3%.

Somente o Assaí viu as vendas crescerem 37,6%, desempenho verificado principalmente por conta das vendas nas mesmas lojas – aquelas abertas há 12 meses. A marca abriu, nos últimos 12 meses, 10 lojas.

O Extra, por sua vez, viu as vendas em mesmas lojas aumentarem 9,4%, considerando apenas as categorias de alimentos. Esse crescimento veio muito por conta das iniciativas comerciais, focadas em preço. A categoria de não alimentos registrou desempenho negativo.

A bandeira Pão de Açúcar segue com desempenho positivo. O serviço de delivery da bandeira cresceu 18% no período.

Já o braço não alimentar da companhia, a Cnova (que abarca o comércio eletrônico das bandeiras Pontofrio, Casas Bahia e Cdiscount) e a Via Varejo (as lojas físicas das bandeiras Pontofrio e Casas Bahia), que têm apresentado desempenho negativo no grupo, está se recuperando, segundo o GPA.

Apesar disso, as duas marcas apresentaram queda de 2,8% na receita líquida no período.

No segundo trimestre, a ViaVarejo, que fechou muitas lojas no ano passado, conseguiu um crescimento de 2,5% em vendas das mesmas lojas. O crescimento, segundo a empresa, é resultado de projetos como conversão de bandeiras e store-in-store mobile. No resultado total, o crescimento foi de 0,3%.

“Para os próximos trimestres a Via Varejo continuará com o foco no aumento da eficiência operacional de suas lojas, na continuidade da implementação dos projetos estratégicos, na melhoria no nível de serviço para os clientes e no monitoramento da estrutura de custos e despesas, de forma a otimizar os resultados e rentabilidade da Companhia para o exercício de 2016”, disse o GPA em relatório.

Já a Cnova verificou aumento da participação do marketplace para 16,6%, m crescimento de tráfego em 21,4%, totalizando 257 milhões de visitas no trimestre.






Acesse a edição:

MAIS LIDAS

VEJA MAIS

ÚLTIMAS

VEJA MAIS