Grandes indivíduos indicam grandes livros

Confira dicas de livros dadas à Consumidor Moderno por executivos de grandes empresas e indique uma obra para comemorar o Dia do Escritor

Por: - 3 anos atrás

Africa Studio/Shutterstock

Mensalmente, a revista Consumidor Moderno tem o prazer de apresentar aos leitores algumas indicações de livros. As dicas são dadas por executivos das maiores empresas do Brasil, por especialistas e por professores.

Hoje é o Dia do Escritor e, não por acaso, reunimos algumas indicações dos últimos meses. E você? Gostaria de indicar uma leitura aos outros consumidores?

Confira as dicas.

 

“Li A Última Grande Lição (Tuesdays with Morrie, no original), de Mitch Albom, há alguns anos, e frequentemente releio alguns trechos. A história narra o reencontro de Mitch e um antigo professor da faculdade, Morrie. Sabendo que o mestre está à beira da morte, Mitch vai visitá-lo e eles se reconectam tão fortemente que esses encontros passam a ser semanais. Suas conversas se tornam mais que relação entre amigos: verdadeiras lições de vida.

Taciana Lopes, diretora de marketing da Visa

 

“Acabei de ler um romance muito bonito, chamado ‘Arroz de Palma’, sobre o vínculo da família e quanto ela carrega para nossa vida. Eu me emocionei muito porque é sobre uma família portuguesa e meu pai é português. Por isso, me identifiquei”

Denise Figueiredo, diretora de marca e consumidor da Natura

 

“Saiu em dezembro um livro chamado ‘Como Curar um Fanático’, do Amos Oz. Excelente para tratar sobre uma época de muitas radicalismos e como convivemos com identidades radicais. Vale para um público acadêmico e também para o público em geral.”

Pedro De Santi, líder da área de humanidades da ESPM

 

“A biografia Steve Jobs, de Walter Isaacson, é uma belíssima aula sobre a história da tecnologia. Mais do que isso, ela narra a história do homem que influenciou decisivamente a indústria dos computadores, do cinema, da música e até mesmo o varejo. Um ser humano brilhante!”

José Evangelista Terrabuio Jr., chief innovation officer, da Beenoculus

 

“Reli um livro que conheci há muito tempo e traz algumas coisas interessantes para repensar o momento que vivemos. A obra se chama ‘O Tao da Física’ e foi escrita por do Fritjof Capra, um físico que, apesar de ter sido bastante cartesiano, incorporou, depois, dentro da física, uma questão da espiritualidade e de questões que extrapolam esse lado cartesiano de olhar a ciência.”

Paulo Pianez, diretor de sustentabilidade do Carrefour Brasil

 

“Sugiro o livro 2025 – ‘Caminhos da Cultura no Brasil’, de Domenico de Masi e Stefano Palumbo. Gostei dele porque discute vários aspectos da cultura brasileira e do que pode ser a nossa originalidade no ambiente global. Basicamente, é uma coletânea que discute os valores brasileiros e nossas características”

Eduardo Giannetti, economista