Qual é a empresa que mais gera valor para você?

Consumidor Moderno divulga MVP 2016, índice que aponta a geração de valor das marcas para cada um de seus públicos

Shutterstock

Com ferramentas versáteis e acessíveis de busca, emails, conferências, anúncios, análise ou armazenamento, o Google é a melhor empresas do ponto de vista dos clientes. Do ponto de vista dos consumidores, é a dona de um dos produtos e uma das marcas mais lembradas do mundo, a Coca-Cola.

Para a sociedade como um todo, a Caixa Econômica Federal, com sua liderança em financiamento de imóveis, negócios e pagamentos de diversos serviços essenciais, é a mais relevante. Como ambiente para trabalhar, a concessionária de energia Elektro se destaca, mas como opção para investir, quem ganha é o Itaú Unibanco.

Estes são alguns dos nomes de destaque da quarta edição do MVP – Mais Valor Produzido -, um método de avaliação multidimensional criado pela consultoria DOM Strategy Partners e divulgado com exclusividade pela Consumidor Moderno em sua edição de outubro.

O MVP é um índice com pontuação de 0 a 10 que verifica o valor de uma empresa não só de um viés, mas de vários. Ele considera diversas frentes de atuação e a relação das companhias com todos os públicos com que interage ou a quem afeta – clientes, funcionários, fornecedores, acionistas, a sociedade, o país.

“É uma avaliação feita de fora para dentro”, explica Daniel Domeneghetti, CEO da DOM e coordenador da pesquisa. “Não é a empresa que define se ela é sustentável, se o atendimento é satisfatório, se o produto dela é bom. São os outros. E é exatamente isso o que mensuramos.”

Para chegar às mais valiosas e ser capaz de fazer o recorte por público, o trabalho por trás do MVP é extenso. São 10 meses de estudo em que a equipe da consultoria se debruça sobre uma infinidade de documentos e indicadores a partir de uma lista e 1.000 empresas, que vão então sendo filtradas. Resultados, balanços, relatórios, investimentos, premiações, reportagens e repercussões são acompanhadas mensalmente, até se chegar às mais valiosas.

Veja a lista das empresas que receberam as melhores pontuações por cada steakholder.

O MVP também destaca as vencedoras por setor, por tipo de ação e os rankings gerais – para saber mais, acesse a edição de outubro da Consumidor Moderno, acessível online.


AS EMPRESAS QUE MAIS GERAM VALOR:

Para os funcionários
1. Elektro – 8,81
2. Gazin – 8,09
3. Cartepillar – 8,03

Para a sociedade
1. Caixa Econômica Federal – 9,11
2. Google – 8,05
3. BMF&Bovesp – 8,01

Para o país
1. Ambev – 8,13
2. Alpargatas/Havaianas – 8,06
3. Vale – 8,01

Para os acionistas – empresas de capital aberto
1. Itaú Unibanco – 8,81
2.Bradesco – 8,78
3. BB Seguridades – 8,71

Para os acionistas – empresas de capital fechado
1. O Boticário – 9,01
2. Libbs – 8,43
3. Netshows – 8,03

Para o setor e a cadeia
1. Copersucar – 8,05
2. Votorantim – 8,02
3. BASF – 7,82

Para os clientes
1. Google – 8,19
2. Bradesco Seguros – 7,73
3. Microsoft – 7,48

Para os consumidores
1. Coca-Cola – 8,32
2. Johnson & Johnson – 8,14
3. Nestlé – 8,13






ACESSE A EDIÇÃO DESTE MÊS:

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

MAIS LIDAS

VEJA MAIS

ÚLTIMAS

VEJA MAIS
ANUÁRIO Brasileiro de Relacionamento com Clientes

CM 256: Os vencedores do Prêmio Consumidor Moderno de Excelência em Serviços ao Cliente

CM 255: Tudo o que você precisa saber sobre o consumidor na pandemia

Você já conhece as Identidades do consumidor?

VEJA MAIS