Amor? A prioridade dos jovens Millennials não é essa

Casa, saúde ou celular? Estudo mostra quais são as preferências dos jovens – e você não vai acreditar nos resultados obtidos.

Shutterstock

O que é mais importante para os jovens, nos dias de hoje? É muito fácil supor que o celular é um item indispensável – afinal, aparentemente, é melhor ficar sem comer do que ficar desconectado. Para identificar as preferências desse pessoal, trazemos um estudo que incorpora um questionário respondido por amostra representativa de 1.330 respondentes, levantados durante o mês de julho de 2016 por meio da plataforma de consumidores da MindMiners, o MeSeems.

Chamado “Jovens Digitais: Geração Transformadora”, o estudo realizado pelo MindMiners em parceria com o Centro de Inteligência Padrão (CIP), apresenta um panorama do personagem no qual o millennial se transformou – quase caricato, com seu celular na mão e suas exigências de bom atendimento e bons empregos.

Um dos pontos mais curiosos nesse sentido é que o celular é quase tão importante para os jovens quanto um plano de saúde. A residência (ao contrário do que muitos imaginam) é muito importante para 92% dos entrevistados. Isso indica que eles não querem viver só de Airbnb e aluguel – mas querem viver conectados.

Fonte: CIP/MindMiners Arte: Fernanda Pelinzon

Fonte: CIP/MindMiners
Arte: Fernanda Pelinzon

MAIS LIDAS

VEJA MAIS

ÚLTIMAS

VEJA MAIS

As IDENTIDADES do novo consumidor sem rótulos #CM25ANOS

Futuro incerto? O que pensam os futuristas em tempos de crise social

“Contágio” e outros filmes sobre epidemias para ver dentro de casa

Manu Gavassi e sua brilhante estratégia de branding. O que as marcas podem aprender com ela?

A ascenção das newsletters

VEJA MAIS