Mídias sociais substituirão o atendimento tradicional?

Pesquisa revela que o número de consumidores que utilizam as mídias sociais para solucionar problemas de atendimento ao cliente diminuiu

Por: - 3 anos atrás

shutter

Uma pesquisa divulgada este ano pelo The Boston Consulting Group, em parceria com a NICE, mostra que as mídias sociais estão entre os últimos recursos aos quais os consumidores desejam recorrer para obter atendimento. O Relatório 2016 Consumer Experience Report da NICE/BCG entrevistou mais de 1.700 pessoas de 18 a 65 anos, espalhadas pelos territórios dos EUA, Reino Unido, Holanda, França e Austrália.

O relatório constatou que o número de consumidores que utilizam as mídias sociais para solucionar problemas de atendimento ao cliente caiu em comparação com dois anos atrás. As principais conclusões do levantamento foram:

– Diminuição da satisfação e do sucesso desde 2013 em todos os âmbitos, envolvendo todos os canais de contato, exceto para aplicativos móveis, especialmente o de URA (queda de 20%) e mídias sociais (queda de 23%).

– As taxas de rotatividade variam entre as diferentes faixas etárias. Enquanto 78% dos indivíduos da geração baby boomers afirmam que abandonariam um fornecedor por um problema no atendimento ao cliente, apenas 54% dos indivíduos da geração Y fariam o mesmo.

–   Aumento acentuado no ceticismo dos clientes a respeito dos efeitos de seu feedback. Apenas 25% acreditam que os prestadores de serviços tomem medidas com base no seu feedback – uma queda significativa em comparação com os 40% registrados em 2012.

“A pesquisa reforça como o atendimento ao cliente está se tornando cada vez mais complexo e mais essencial para o sucesso de uma empresa. Quando uma organização consegue criar uma experiência perfeita, há muitos dividendos. Por isso, várias empresas estão lançando mão de ferramentas para realizar análises avançadas e correlações para entender melhor seus clientes, tanto como indivíduos quanto como grupos, para garantir que estejam mais bem preparadas para fornecer serviços que fazem a diferença”, avalia Marcelo Bueno, diretor comercial da NICE.

Lei mais

Saiba mais sobre as tendências no Serviço de Atendimento ao Cliente (SAC) na edição especial da revista Consumidor Moderno de novembro (219).