Wifi grátis para quem não polui

Conheça o projeto da TreeWifi, que leva de uma maneira bem original conexão wifi grátis e consciência ecológica para as ruas de Amsterdã

Por: - 3 anos atrás

Um estudo recente da Organização Mundial de Saúde estima que oito em cada dez habitantes de núcleos urbanos no mundo respiram um ar que supera os limites de contaminação recomendados.

A imagem que talvez ilustre melhor esse dado seja aquela de cidadãos chineses com suas máscaras caminhando apressados pelas ruas de Pequim sob uma nuvem negra de poluição. Se pensarmos em Amsterdã e seus imensos grupos de ciclistas pedalando pelas suas ruas limpas e verdes, essa seria a antítese da imagem. Mas essa ideia não é de toda certa.

Atualmente, segundo dados da OMS, Amsterdã é uma das cidades com pior qualidade de ar da Europa. Mas a capital dos Países Baixo que mudar esse cenário. As autoridades locais anunciaram que Amsterdã se converter na primeira cidade europeia com zero emissão de poluentes.

Diante desse grande desafio estão surgindo por lá várias iniciativas. Uma delas é a do designer holandês Joris Lam e sua empresa a TreeWiFi. Como o nome da empresa sugere, ele e sua equipe começaram a instalar em árvores de Amsterdã casinhas para pássaros dotadas de conexão wifi e sofisticados sensores que medem os níveis de contaminação do ar. Quando a qualidade do ar não atinge níveis graves de poluição a casinha se ilumina com a cor verde e oferece wifi grátis de excelente qualidade. Quando o ar chega aos níveis não recomendados para a saúde a casa se ilumina coma cor vermelha e a conexão é cortada.

É óbvio que Lam não é tão ingênuo a ponto de pensar que sua invenção ira contribuir para algo tão complexo como a contaminação do ar de uma cidade de mais de 800.000 habitantes. Porém, ele acredita que pode ser uma boa forma de conscientização para que outras medidas sejam tomadas. “Se implementarmos ferramentas simples e de baixo custo, com as quais todos possam entender esse problema, quem sabe as pessoas se mobilizem para algo maior, como diminuir o uso de carros, por exemplo”.

Todos os dados sobre a qualidade do ar nos locais onde estão as casinhas estão disponíveis gratuitamente na internet para consulta. Gráficos informam de maneira simples quando a qualidade está para atingir níveis perigosos ou quando o local está com ar de boa qualidade.
Lam também informou que a ideia de sua empresa é ampliar essas possibilidades, recompensando as pessoas com outros benefícios como download de músicas e descontos em comércios locais, onde a zona de wifi atua.

Sem dúvida é uma forma original de geração de negócios e visão cidadã para propagar a conscientização para um dos problemas mais graves dos nossos tempos, a poluição – por mais grave que a desconexão possa parecer para alguns cidadãos.