Comer chocolate nem só alegra, nem só engorda

Pesquisa feita ao longo de anos por um grupo de cientistas mostrou que o consumo frequente de chocolate também deixa as pessoas mais espertas

Susanne Nilsson/Flickr

Quem está sempre buscando desculpas para comer chocolate acaba de encontrar mais uma. Um estudo recente publicado em conjunto por pesquisadores australianos e americanos mostrou que pessoas que têm o hábito de comer chocolates com frequência em sua vida são mais espertas em vários aspectos.

“Descobrimos que as pessoas que comem chocolate ao menos uma vez por semana tendem a ter melhor performance cognitiva”, disse o psicólogo Merril Elias, da Universidade de Maine (EUA), em entrevista ao jornal The Washington Post.

Segundo as conclusões do estudo, o consumo de chocolate está altamente associado com maior “memória visual e espacial, organização, memória de curto prazo, capacidade de rastrear e examinar,  raciocínio abstrato e mini-exame do estado mental”, referindo-se, este último, a um tipo de teste usado na medicina para avaliar capacidades cognitivas dos pacientes.

E o melhor: a descoberta aconteceu por acaso. O objetivo inicial de Elias e sua equipe era estudar as relações entre a performance do cérebro e a pressão arterial. Para isso, acompanharam por décadas um grupo de mais de mil pessoas, fazendo testes e questionários frequentes com elas.

Os primeiros testes começaram em 1970. Foi só em 2001 que os pesquisadores resolveram incluir um novo grupo de perguntas nos questionários, pedindo também detalhes sobre os hábitos alimentares de seus pesquisados. Essas informações foram acompanhadas até 2006, o que também dá ao estudo de Elias uma abrangência que poucos outros trabalhos chegaram a ter.

O cruzamento e análise da montanha de dados que saiu disso acabou por revelar grandes diferenças entre as habilidades daqueles que informaram comer chocolate mais de uma vez por semana e os que afirmaram faze-lo menos do que isso. Lembrar números de telefone, itens de uma lista de compra ou ser capaz de fazer duas atividade ao mesmo tempo, como dirigir e conversar, são algumas das atividades testadas e nas quais os comedores de chocolate se saíram melhores do que os demais.

MAIS LIDAS

VEJA MAIS

ÚLTIMAS

VEJA MAIS

Vídeos

VEJA MAIS

Revista Consumidor Moderno

VEJA MAIS