Casa do Construtor lança aplicativo

Ideia é reforçar o contato com o consumidor, estabelecendo um novo canal de relacionamento. Confira

Em tempos que o consumidor quer tudo na palma da mão – literalmente! –, as empresas podem pensar em como incluir esse importante canal em sua estratégia. Foi o que aconteceu com a Casa do Construtor, franquia especializada em locação de equipamentos de pequeno porte para a construção civil.

A revista NOVAREJO digital está com conteúdo novo. Acesse!

Para se comunicar com um maior número possível de consumidores, a empresa lança mão de mais um canal de relacionamento: o aplicativo Casa na Mão. “A criação deste app representa o investimento em inovação que a Casa do Construtor prima bastante. Além disso, representa uma forma de estarmos mais próximos de nosso público por meio de mais um canal digital de relacionamento”, declara Altino Cristofoletti Junior, um dos sócios da empresa.

Ao baixar o “Casa na Mão” no celular, o cliente encontrará dados técnicos sobre os equipamentos comercializados nas lojas, os guias de conteúdo da rede, vídeos interativos com dicas de operação, segurança e manuais explicativos e informações atuais do segmento. Há também uma calculadora para auxiliar o profissional no dia a dia de uma obra e um conversor de medidas de peso e comprimento.

“Com a geolocalização, o cliente poderá entrar em contato com a loja mais próxima e pedir um orçamento. Outro destaque é a aba Escolha a Ferramenta Certa, que mostrará qual é o produto mais indicado para determinada tarefa”, informa Cristofoletti Junior. A segunda fase do aplicativo irá proporcionar maior integração entre os envolvidos, podendo estender o contato para solicitar a manutenção, a retirada e o histórico do contrato que o profissional possui com a loja.

O investimento até o momento foi de R$50mil e já está disponível nas versões Android e IOS. A meta da empresa é alcançar a marca de 5.000 usuários no primeiro ano de usabilidade. A franqueadora dará todo o suporte operacional para os franqueados, mas quem se responsabilizará pelo atendimento é a unidade escolhida pelo consumidor.






Acesse a edição:

MAIS LIDAS

VEJA MAIS

ÚLTIMAS

VEJA MAIS