Quer tal ser o herói da empresa em plena crise financeira?

Existem algumas condutas profissionais que os caçadores de talentos procuram para impulsionar os negócios ou mesmo salvar uma empresa. Saiba quais são

Shutterstock

Por ora, vamos deixar de lado a nossa face de consumidor e falemos sobre a sua carreira. Inglês ou o domínio de outra língua e cursos extracurriculares são algumas das competências desejáveis para alcançar o sucesso profissional. Disso tudo mundo sabe, mas você já se preocupou com o seu comportamento dentro da empresa? Não, não estamos falando de ética ou coisa que o valha, mas alguns traços da personalidade que podem a sua empresa a sair da crise – e, de quebra, impulsionar a sua carreira.

JÁ VIU A MAIS RECENTE EDIÇÃO DA CONSUMIDOR MODERNO? ACESSE!

Para falar sobre o assunto, convidamos Viviane Narducci, especialista da FGV, que separou características que os caçadores de talento estão à procura no mercado. Veja:

Visão sistêmica – Hoje, espera-se um profissional que não possua apenas um conhecimento específico, mas que também compreenda o impacto de suas atividades na área ou na própria organização – o que pressupõe o domínio do negócio em que a companhia atua.

Relacionamento Interpessoal – Em função das diversas mudanças ocorridas nos últimos anos, tornou-se impossível ter todos os conhecimentos e experiências exigidas. Por isso, há cada vez mais  empresas que buscam profissionais com facilidade em formar redes de relacionamento e com capacidade de compartilhar os seus conhecimentos;

Entusiasmo – Diante do cenário econômico e social em que vivemos, é preciso uma dose extra de “entusiasmo”. As empresas buscam profissionais que se identificam com a atividade que realizam e vibram com os resultados obtidos;

Intraempreendedorismo – As empresas precisam inovar, portanto, precisam de profissionais com capacidade de intraeempreender, ou seja, empreender internamente.






Acesse a edição:

MAIS LIDAS

VEJA MAIS

ÚLTIMAS

VEJA MAIS