Com nova identidade, Raia Drogasil dispara 17% no primeiro trimestre

A companhia registrou 37 aberturas de lojas no período e um lucro de mais de R$ 90 milhões. Entenda o que a empresa fez para crescer

O lucro líquido ajustado da Raia Drogasil cresceu 17% no primeiro trimestre. No período, a companhia apresentou lucro de R$ 105,4 milhões.
Nos primeiros três meses do ano, a empresa de varejo farmacêutico conseguiu registrar vendas de R$ 3,2 bilhões – um aumento de 21,6%. Em “mesmas lojas”, aquelas abertas há 12 meses, o crescimento foi de 10,5%.
A revista NOVAREJO digital está com conteúdo novo. Acesse agora!
As operações de drogarias da companhia registraram um crescimento de 20,4%, enquanto 4Bio cresceu 66,6% no período.
Contrariando o varejo em geral, a Raia Drogasil abriu 42 lojas e fechou cinco. Ao todo, foram 37 aberturas líquidas. Ao todo, a companhia tem 1.457 lojas, incluindo as operações da 4Bio. A empresa reitera o planejamento de abrir 200 novas lojas neste ano.
A participação nacional da empresa no mercado atingiu 12,6% no trimestre, com destaque para São Paulo, onde a participação chegou a 24,9%.

Mais resultados

No período, as despesas gerais e administrativas da Raia Drogasil totalizaram R$ 78,5 milhões no primeiro trimestre. Esse valor é equivalente a 2,4% da receita bruta, mesmo patamar do ano anterior.
No período, a companhia gerou um fluxo de caixa livre negativo de R$ 172,7 milhões e um fluxo de caixa total negativo de R$ 162,7 milhões. “O primeiro trimestre de cada ano sempre traz uma sazonalidade desfavorável de ciclo de caixa, enquanto o quarto trimestre é sazonalmente o mais favorável do ano. Portanto, o primeiro trimestre de cada ano demanda um relevante desembolso de caixa”, disse a empresa.
Em relação aos investimentos, ao todo, foram R$ 135,1 milhões, sendo R$ 80,7 milhões para abertura de novas lojas, R$ 21,7 milhões para a reforma de lojas existentes, e R$ 32,7 milhões para investimentos em infraestrutura.

Nova identidade

No primeiro trimestre também, a companhia anunciou nova identidade. Agora designada como RD – Gente, Saúde e Bem-estar, a empresa encerra o ciclo de integração entre a Droga Raia e a Drogasil – fusão que ocorreu em 2011.
“Hoje, cinco anos após a fusão da Droga Raia e da Drogasil, somos uma empresa completamente distinta, com níveis de escala, eficiência e rentabilidade únicos no setor e com gestão, processos e sistemas totalmente unificados. O encerramento do ciclo da integração marca o início de uma nova etapa na história da Companhia, que embora se mantenha fiel às raízes de Droga Raia e de Drogasil, passa a desfrutar de uma Identidade única, baseada em uma Essência com Propósito e Valores próprios, que emergiram desde a fusão”, explicou a companhia.
“A RD seguirá pautando a sua atuação por meio de cinco valores cruciais: Ética, Eficiência, Inovação, Relações de Confiança e Visão de Longo Prazo, e em um claro compromisso com a Sustentabilidade que se baseia em três pilares: Cuidar da Saúde das Pessoas, Cuidar da Saúde do Planeta e Cuidar da Saúde do Negócio”, disse a empresa.
Segundo a companhia, a marca RD reflete a transformação do negócio, que hoje combina um portfólio integrado de ativos focados na Saúde e no Bem-Estar: RD Farmácias (Droga Raia, Drogasil e Farmasil), RD Serviços (4Bio e Univers) e RD Marcas (Needs, B-Well, Triss e Pluii).






Acesse a edição:

MAIS LIDAS

VEJA MAIS

ÚLTIMAS

VEJA MAIS