75% dos consumidores compram mais se o ambiente for agradável

NOVAREJO publica nesta semana o Especial Consumo e Emoção para apresentar estudo que mapeou o que leva os consumidores a comprar na loja. Confira

Provador com a luz ideal, som ambiente na loja, vendedor com a postura correta que, ao mesmo tempo em que dá ao cliente o espaço para ele ser livre, se mostra prestativo e garante o atendimento necessário quando o cliente precisa. Pode parecer clichê, mas a fórmula do sucesso de vendas pode ser mais simples do que se imagina.
A revista NOVAREJO digital está com conteúdo novo. Acesse agora!
O estudo “Comprando com emoção”, realizado pela britânica Retail Week Reports, em parceria com a agência Mood Media, mostrou que os consumidores esperam que a loja física seja o ponto de relacionamento com a loja.
As empresas  entrevistaram 2 mil consumidores britânicos, executivos do varejo, gerentes de lojas e consultores sobre o papel das lojas e o que pode ser um atrativo para as vendas. Embora seja uma pesquisa local, ela mostra uma tendência mundial: o e-commerce toma espaço no mercado e a loja precisa mudar para continuar sendo relevante.

Ambiente agradável

A pesquisa mostra que 75% dos entrevistados preferem comprar nas lojas físicas ao invés da online, se elas tiverem um ambiente agradável. Mas, afinal, o que é um ambiente agradável?
Essa é uma das perguntas que a pesquisa se propôs a responder. Antes de mais nada, vale mencionar o contexto em que o estudo foi realizado: os tempos de crise não são uma exclusividade brasileira. Com o Brexit (saída da Inglaterra da União Europeia), o comércio britânico também sentiu a queda na economia.
Além disso, pode-se dizer que a mudança do consumidor conectado vale para todo mundo. E a pergunta que fica é: em um mundo cada vez mais digital, com o online crescendo cada vez mais, qual é o papel das lojas físicas? Esta é outra pergunta que o estudo se propõe a responder.

Ponto de venda é fundamental

O estudo mostra que as lojas físicas são fundamentais para os negócios: entre 65% a 90% das vendas ainda acontecem nas lojas físicas, apesar de o online estar crescendo e ter um impacto enorme no modo de comprar. Para se ter uma ideia, o estudo mostra que metade dos consumidores acha que recursos como realidade virtual, promoções mobile e mensagens personalizadas são intrigantes.

Arte: Fernanda Pelinzon / Grupo Padrão


O fato é que com a conectividade, a expectativa do consumidor aumentou. E, com isso, as lojas precisam ser redesenhadas. Eles precisam buscar um ponto de diferenciação. Segundo o estudo, 71,6% dos consumidores esperam comprar nas lojas físicas em 2017 com a mesma frequência do ano passado.
Se o consumidor encontra o ambiente correto, ele fica mais propenso a ficar mais tempo na loja, revisitar, recomendar para os amigos e acaba comprando mais. O estudo pretende olhar o que realmente mantém o consumidor engajado. Seriam as experiências de compra? As relações emocionais?
Para melhor analisar e trazer os insights da pesquisa, NOVAREJO publicará todos os dias desta semana uma série com cinco matérias – incluindo esta. O Especial Consumo e Emoção tem como base os temas analisados pela Retail Week Reports e pela Mood Media. Acompanhe.






ASSINE NOSSA NEWSLETTER

MAIS LIDAS

VEJA MAIS

ÚLTIMAS

VEJA MAIS

CM 256: Os vencedores do Prêmio Consumidor Moderno de Excelência em Serviços ao Cliente

CM 255: Tudo o que você precisa saber sobre o consumidor na pandemia

Você já conhece as Identidades do consumidor?

VEJA MAIS