Natura decide comprar a The Body Shop e oferece 1 Bilhão de Euros pela marca

Empresa havia confirmado o interesse pela companhia inglesa e inicia, com a L’oréal, a negociação de aquisição. Confira a estratégia

Tempo de leitura: 2 minutos

9 de junho de 2017

A marca de cosméticos Natura iniciou negociação com a L’Oréal para a compra da marca inglesa The Body Shop. Em comunicado, a Natura ofereceu 1 Bilhão de Euros para adquirir 100% da empresa.
Com a proposta, as duas empresas firmaram hoje (9) um contrato de exclusividade, após necessária consulta ao conselho de empregados da L’Oréal em cumprimento da lei francesa. Só depois disso, as companhias possam a firmar um contrato de compra e venda de ações.
A revista NOVAREJO digital está com conteúdo novo. Acesse agora!
De acordo com a Natura, ainda o fechamento da operação de aquisição estará condicionado às aprovações regulatórias aplicáveis, notadamente no Brasil e nos Estados Unidos.
A companhia disse, ainda, que já tem aprovado o financiamento dos recursos para o pagamento total do preço de aquisição.
“A Companhia entende que foi dado um passo importante para a possível aquisição da The Body Shop e informa que a conclusão da operação depende do atendimento de determinados eventos requeridos pela legislação aplicável”, disse José Roberto Lettiere, diretor financeiro e de Relações com Investidores da Natura, em comunicado.

Crescimento

A The Body Shop foi fundada em 1976, na Inglaterra, e ganhou destaque internacional por ser focada em cosméticos naturais, com forte apelo ético e sustentável. A marca tem mais de 3.000 lojas distribuídas em 60 países.
No Brasil, a empresa chegou em 2014 com plano de abrir 500 lojas até 2020. Contudo, com a crise, a empresa cortou esse plano pela metade. No País, são 133 lojas da marca. Por aqui, diferente de outros países, a marca atua com franquias e também criou o modelo de quiosque. Ao todo, a companhia gerou receitas líquidas de 921 milhões de Euros.
Em nota, Jean-Paul Agon, Chairman e CEO da L’Oréal, disse que a Natura “é o melhor novo dono” que a companhia poderia imaginar para a marca. “A Natura dará suporte ao desenvolvimento da The Body Shop no longo prazo – o que permitirá que a marca sirva os consumidores enquanto respeita os fortes princípios para os empregados, franqueados e stakeholders”, disse.
 




Acesse a edição:

MAIS LIDAS

VEJA MAIS

ÚLTIMAS

VEJA MAIS