A sua empresa está preparada para a Internet das Coisas?

A Internet das Coisas deve mudar completamente o modo da sociedade e das empresas se relacionarem. Confira dicas de especialistas

A popularização dos smartphones conectou de vez os humanos à internet. Mas, em breve, todos os objetos que vemos e usamos também estarão conectados, conversarão entre si e com pouca ou nenhuma interferência humana.
A Internet das Coisas (IoT, na sigla em inglês) é a tecnologia do momento. As facilidades e impactos que a implementação de ‘inteligência’ nas máquinas como geladeiras e carro, foram debatidos durante o painel “Casos e causos da internet das coisas: Para onde vai essa inovação tecnológica?”no Whow!.
A revista NOVAREJO digital está com conteúdo novo. Acesse agora!
Eduardo Peixoto, CBO do CESAR, acredita que a tecnologia é uma evolução da internet que conhecemos hoje e irá mudar o comportamento da sociedade.
“Nós já somos monitorados pelos aplicativos de celulares que baixamos hoje e autorizamos coletar dados pessoais e de localização. Em breve, a vida privada que entendemos não existirá. Será como se estivéssemos sempre nus, mesmo que com roupas”, disse.

Educação

Para que a sociedade consiga assimilar a tecnologia será preciso reformular o modelo educacional existente hoje no País. É o que acredita Mauricio Pimentel professor de tecnologia da ESPM.
O especialista acredita que a tecnologia irá trazer muito mais complexidade a vida da sociedade do que já foi percebido até nos dias atuais.
“O IoT vai se popularizar em um cenário que já tem inteligência artificial e big data sendo usado. Não será apenas um cenário em que meu relógio acionará minha cafeteira conectada à internet. Mas um dispositivo como o Waze que vai me acordar mais cedo porque tem um carro quebrado no caminho do meu trabalho. Todo mundo terá que se adaptar essa nova relação com a tecnologia”, completou.

Empresas

A vida dos empresários também vai mudar. Com todos os objetos conectados, a relação com as máquinas mudará e os empregos também sofrerão alterações.
“A tecnologia tem muitos tipos de aplicações possíveis e mudará completamente o cotidiano das companhias. O que eu diria para os empresários hoje é: analise o que sua empresa entrega de valor para sociedade. Depois, veja se empresa vai conseguir mudar com a chegada do IoT na mesma velocidade que o seu cliente vai querer que você mude”, disse Flavio Lobo estrategista de adoção tecnológica da Innoframe Consultoria.
A Internet das Coisas deve melhorar muito a experiência do cliente. Para Marcelo Biasoli, head de Estratégia Corporativa, Marketing & Clientes e Inovação da Seguros Sura, a tecnologia trará oportunidades para as empresas.
“Dois grandes pontos de mudanças do IoT será a interação e experiência que as marcas tem com seus clientes. Os dispositivos permitirão que isso mudem drasticamente e coloquem essa interação em outro patamar. É uma oportunidade muito positiva e ainda imensurável”, concluiu Biasoli.
A primeira edição do Whow! Festival de Inovação, organizado pelo Grupo Padrão, que publica Consumidor Moderno, acontece em mais de 70 lugares de São Paulo. Acompanhe a cobertura aqui e nas redes sociais com a #WhowFestival!




Acesse a edição:

MAIS LIDAS

VEJA MAIS

ÚLTIMAS

VEJA MAIS