Conheça a startup que vende passagens aéreas de última hora e com descontos

Passagens aéreas são caras. Compradas próximo ao dia do voo então… Um verdadeiro trauma. Descubra a startup que quer mudar isso

Por: - 2 anos atrás

Crédito: Shutterstock

Surgir um imprevisto e ter que comprar uma passagem aérea de última hora. Se você já viveu uma situação assim, com certeza foi um momento traumatizante para o seu bolso. Pois acredite: é possível viajar em cima da hora sem precisar hipotecar o seu apartamento para pagar a passagem.

Alice Maia, 27, estava terminando a faculdade de administração e trabalhava em um hotel quando teve um estalo. Muitos clientes ligavam para agendar quartos, mas estes subiam de valores devido a proximidade das datas. O resultado era infeliz para ambos os lados: os clientes tinham que correr para buscar lugares piores e os quartos de hotel ficavam ociosos.

Confira a edição online da revista Consumidor Moderno!

A ideia logo virou um projeto de negócio e ganhou forças para virar uma startup no ano passado, em 2016. Lucas Motta, recém-formado em Ciência da Computação, levou ao projeto o conhecimento de tecnologia que até então faltava e aí foi oficialmente criado o NaHora.com.

“Começamos a participar do processo de aceleração da StartupFarm no mesmo ano e percebemos que o maior peso para as pessoas em uma viagem não era o valor da hospedagem, mas da passagem aérea. Foi aí que mudamos o foco”, diz Alice.

Economia

A empreendedora afirma que, com a plataforma, os clientes conseguem economizar até 50% no valor das passagens. “Existem algumas zebras cuja economia da passagem fica em torno de 80%, mas não gostamos de falar muito disso porque cria uma expectativa que não corresponde à realidade de sempre”, afirma.

Para que a mágica funcione, a startup se alia a agências de viagem que não tem presença no online, que vendem aos consumidores por meio da plataforma do NaHora.com a preços mais baratos as passagens que perderiam. É possível comprar passagens com até seis meses.

A startup ganha uma taxa do consumidor na hora da compra e vende mensalmente para as agências de viagens o direito de usar a plataforma de venda e gestão de passagens, criada pelo NaHora.com.

Resultados

O primeiro ano de funcionamento da startup a fez voar. Em 12 meses, faturou R$ 1 milhão em 80 mil clientes, o necessário para a manutenção dos sete funcionários sem a ajuda de investidores.

O sucesso tem atraído a atenção de gigantes. Após a chegada da startup no Chile, o NaHora.com passará uma semana no escritório do Airbnb a convite da startup norte-americana.

“Queremos aproveitar este fim de ano para aumentar o conhecimento e expandir o nosso negócio para a América Latina. Queremos atuar em outros dois países além do Chile e Brasil até o fim deste ano”, completa a empreendedora.