Vendas de Natal: Mais consumidores nas lojas e aumento no faturamento

Varejo deve crescer no Natal deste ano graças ao aumento no número de pessoas dispostas a gastar; por outro lado, gasto por pessoa deve diminuir

Serão 110 milhões de brasileiros circulando em lojas de shopping ou de rua ou procurando pela internet os presentes de natal, o que representa 73% da população brasileira disposta a gasta na mais data do comércio. Os dados são da pesquisa do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL).
A revista NOVAREJO digital está com conteúdo novo. Acesse agora!
A expectativa para este ano é maior que a registrada às vésperas do natal do ano passado, quando 107,6 milhões de brasileiros eram esperados nas lojas. Em 2016, a expectativa de faturamento do varejo foi de R$ 50 bilhões. Neste ano, espera-se um faturamento de R$ 51,2 bilhões.
Apesar do crescimento em números gerais de consumidores nas lojas e de faturamento total, o gasto por pessoa tende a cair. Em 2016, a expectativa era de que cada consumidor gastasse R$ 465,59 em quatro presentes. Neste ano, é esperada a média de R$ 461,91 gastos em quatro ou cinco presentes.
As classes com maior valor aquisitivo, A e B, devem desembolsar R$ 630,96 por pessoa. Entre os consumidores da classe C, o número cai para R$ 414,25. O varejo disputa ainda os 43% de brasileiros que não decidiram se vão comprar presentes ou não.
 

Hábito de consumo e obrigação de presentear

O principal responsável por tirar o consumidor de casa e levá-lo às lojas continua sendo o hábito de presentear. Quase dois terços dos brasileiros que vão às compras para o Natal (64%) dizem fazê-lo pela tradição. Outros 31% consideram o gesto de presentear importante.
 

Internet e pesquisa de preços

Entre os que pretendem fazer compras, 83% garantem que farão uma pesquisa de mercado para encontrar preços melhores. Mais de 75% dos consumidores que farão pesquisa de preço usarão a internet como principal meio.

Tags:





MAIS LIDAS

VEJA MAIS

ÚLTIMAS

VEJA MAIS Prêmio Consumidor Moderno

CM 255: Tudo o que você precisa saber sobre o consumidor na pandemia

Você já conhece as Identidades do consumidor?

VEJA MAIS