19 Bem-sucedidos que mudaram de vida após os 30 anos

De Terry Crews, o “pai do Chris”, a Jeff Bezos, criador da Amazon: conheça as personalidades bem-sucedidas que revolucionaram depois dos 30

De frentista de posto a megaempresário, ex-esportistas, que se tornaram estrela da TV e do cinema, estrela de Hollywood que virou presidente, a mulher que escapou da morte antes de virar milionária e vários outros casos de quem saiu de todo tipo de situação e mudou drasticamente sua vida depois dos 30 anos.
Jeff Bezos, por exemplo, criou a Amazon aos 31 anos. Antes disso, teve uma carreira em ciência da computação em Wall Street. Não era, nem de longe, uma vida de insucessos, mas não se comparava com ser o criador de uma das maiores marcas do mundo.
A revista NOVAREJO digital está com conteúdo novo. Acesse agora!
O primeiro astronauta americano a orbitar a Terra em 1962, John Glenn, tornou-se realmente famoso aos 53 anos, quando se tornou senador dos Estados Unidos por Ohio, tendo ficado nesse posto por 24 anos.
Jonah Peretti foi professor de informática do ensino médio antes de lançar os sites virais Buzzfeed e The Huffington Post, aos 30 anos, portais que alcançaram sucesso ao redor do mundo.
Aos 59 anos, Michael Bloomberg foi eleito prefeito de Nova York e abandonou seu cargo de CEO em uma empresa de software. Eleito pela primeira vez em 2002, manteve-se no cargo por 12 anos.
A KFC, famosíssima por seus frangos fritos, foi criada por Harland Sanders, conhecido como coronel Sanders. Abriu sua franquia aos 62 anos depois de ter trabalhado como advogado, operador de posto de gasolina e trabalhador ferroviário.
 

 A escalada das mulheres bem-sucedidas

Mãe aos 25 anos, Martha Stewart parou de desfilar e abandonou o mercado de moda. Hoje, Martha Stewart é uma empresária muito bem sucedida do setor de comunicação.
Julia Child era publicitária. Só se tornou uma das grandes chefes de cozinha do mundo depois dos 50 anos, quando escreveu seu primeiro livro de receitas e virou a chefe das celebridades.
Comediante e ex-apresentadora do programa de entrevistas ‘The View’, Joy Behar só se dedicou ao seu sonho de criança depois de quase morrer durante uma gravidez, aos 30 anos. Antes, ela trabalhava no setor de educação.
Antes de se tornar uma das maiores designers mundiais de roupas e acessórios para mulheres, Vera Wang era patinadora e jornalista. Só ocupou sua atual posição depois dos 40 anos.
A Spanx foi fundada por Sara Blakely, ex-vendedora de porta em porta de suprimentos de escritórios. Trabalhou com isso por sete anos. Depois dos 30, criou a bilionária marca de lingeries.
 

Os bem-sucedidos da TV e do cinema

Em “Everybody Hates Chris”, série de TV americana, Terry Crews fez enorme sucesso, o que abriu as portas de Hollywood para ele. Antes, havia sido jogador profissional da disputadíssima NFL, a liga profissional de futebol americano.
Dwayne Johnson, o astro do cinema “The Rock”, mudou de carreira duas vezes. Foi jogador de futebol americano antes de se ser personagem no World Wrestling Federation (WWF), a luta livre americana. No início dos anos 2000, porém, a indústria cinematográfica captou Dwayne, que se consolidaria como estrela dos filmes de ação e comédia.
Campeão mundial de fisiculturismo aos 20 anos, Arnold Schwarzenegger foi alçado à posição de superstar de Hollywood 10 anos depois. Aos 56 anos, tornou-se governador da Califórnia.
O cinema e a TV fizeram do rosto de Ronald Reagan famoso muito antes dele se tornar o 40º presidente da história dos Estados Unidos. Aos 69 anos, assumiu a cadeira mais cobiçada do mundo.

MAIS LIDAS

VEJA MAIS

ÚLTIMAS

VEJA MAIS

As IDENTIDADES do novo consumidor sem rótulos #CM25ANOS

Futuro incerto? O que pensam os futuristas em tempos de crise social

“Contágio” e outros filmes sobre epidemias para ver dentro de casa

Manu Gavassi e sua brilhante estratégia de branding. O que as marcas podem aprender com ela?

A ascenção das newsletters

VEJA MAIS