Infográfico: ‘Quero construir meu próprio negócio’, dizem 75% dos millennials

Pesquisa encomendada pela Mastercard foi realizada com 800 jovens do Brasil, Colômbia e México, nascidos entre 1979 e 2004

Por: - 2 anos atrás

A geração Millennial não quer esperar por soluções para os problemas que enfrentam: 77% dos entrevistados concordam que precisam construir seu próprio caminho para o sucesso, sem depender de terceiros, enquanto 75% querem abrir seu próprio negócio. É o que indica o estudo encomendado pela Mastercard, apresentada durante o fórum de inovação da empresa para a América Latina e Caribe, que ocorreu em Miami.

Confira a edição online da revista Consumidor Moderno!

A pesquisa foi realizado pela Harris Research com 800 pessoas, nascidas entre 1979 e 2004, no Brasil, Colômbia e México. A ideia era descobrir o que motiva millennials destes países, com o objetivo de construir laços duradouros com esses consumidores. O estudo revelou que a independência financeira é a prioridade desta geração. Isso talvez seja explicado pelo fato de que 67% dos millennials latino-americanos estão passando por instabilidades financeiras.

Os números mostram também que 64% dos entrevistados adotam comportamentos que desafiam o status quo. “A importância da tecnologia para os millennials e a confiança que possuem em seu potencial para resolver problemas (do mundo) faz da tecnologia digital o principal meio pelo qual as instituições financeiras podem relacionar-se com esse público”, explica Ana Ferrell, Vice-presidente sênior, Marketing e Comunicações, da Mastercard América Latina.

Como um grupo, os millennials querem construir uma sociedade mais robusta. Cerca de 44% dos entrevistados sentem que sua geração está mais envolvida em suas comunidades, em comparação com gerações anteriores. Para 71% dos entrevistados, o trabalho deve envolver algo que tenha significado em suas vidas. No Brasil, um em cada três entrevistados declarou dedicar tempo a uma atividade social ou a uma causa.

Com relação às mulheres, 85% das mulheres entrevistadas acreditam que não teriam o mesmo nível de educação sem acesso à tecnologia digital. Além disso, 52% acreditam que a tecnologia digital tem o poder de resolver muitos dos problemas que a sociedade enfrenta.

Um em cada três entrevistados consideram-se pioneiros na adoção de novas tecnologias. Os dispositivos móveis são o principal meio de capacitação, e o público da amostra passa uma média de 18 horas por dia consumindo conteúdo multimídia, compartilhado, principalmente, por seus amigos.

Com relação ao Brasil, 32% dos entrevistados dizem que dedicar seu tempo a uma causa social no qual acreditam é uma prioridade e 74% pesquisam produtos online antes de finalizar uma compra. Metade deles diz que seu banco não atende ás suas expectativas.

Comportamento de consumo indicado na pesquisa:

 

infográfico pesquisa millennials mastercard