Pontofrio abre loja digital em SP com vitrine digital e realidade virtual

Via Varejo lança novo formato de loja do Pontofrio, repleta de tecnologia, e também apresenta novidades no atendimento ao consumidor

A Via Varejo, empresa que opera a Casas Bahia e o Pontofrio, inaugurou loja digital do Pontofrio no Shopping Vila Olímpia, em São Paulo. A unidade é repleta de tecnologias e usa até realidade virtual.

“Esta loja é um símbolo do conceito multicanal da companhia e uma evolução concreta do nosso trabalho de inovação em benefício do cliente, que busca cada vez mais uma experiência de compras integrando o universo físico ao digital. Todas as soluções foram pensadas para atender a este consumidor, incluindo toda a ambientação do espaço, resultando em um ambiente diferenciado e único”, disse, em nota, Peter Estermann, presidente da Via Varejo.

A revista NOVAREJO digital está com conteúdo novo. Acesse agora! 

De acordo com Marcelo Nogueira, diretor de Modelo de Vendas da companhia, a nova loja do Pontofrio oferece todo o portfólio de 10 mil produtos – ou seja, ela dá acesso a todo o estoque do e-commerce. “Atualmente, em média, nossas lojas contam com 1 mil, número que poderá subir a mais de 1,5 milhão quando incrementarmos o nosso marketplace, numa segunda etapa deste modelo digital”, disse.

Leia também
Empresa da Casas Bahia e Pontofrio passa a vender itens da Livraria Cultura

Tecnologia

A nova loja é considerada um laboratório para a marca e conta com várias tecnologias que tornam a experiência do consumidor mais interativa. Como oferece todo o portfólio do e-commerce, a loja conta com uma exposição virtual dos produtos.

A loja tem também uma vitrine digital, em tamanho real de itens como refrigeradores, máquinas de lavar e secar e fogões; e prateleiras digitais de eletroportáteis. Tanto a vitrine como as prateleiras permitem aos clientes acessar informações técnicas dos produtos.

À exemplo do que já estava sendo feito nas lojas mobile do Pontofrio, os produtos expostos podem ser degustados pelos clientes. Além disso, os produtos contam com etiquetas digitais com as informações de preço e condições de pagamento, e também apresentam os reviews reais de clientes postadas no e-commerce da marca.

A loja também usa realidade virtual para exposição de móveis. Com ela, o cliente poderá simular ambientes e objetos virtualmente, personalizando cores, tamanhos e formatos de móveis.

Leia também
Via Varejo mostra resultados de programa piloto de reciclagem

Operação

Para oferecer uma loja dessa forma para os consumidores, o Pontofrio teve de fazer mudanças no atendimento. A equipem, segundo a empresa, recebe outro treinamento, específico para esse formato de loja, que reduz em 35% a média de atendimento dos consumidores.

Tanta tecnologia também vai auxiliar a empresa a entender melhor o consumidor. Na loja, o Pontofrio terá capacidade de avaliar a satisfação dos consumidores por meio de câmeras com sensores que lerão as expressões faciais dos clientes.

“As tecnologias vão nos dar uma base de informações em tempo real, sem violar os direitos de identidade, que nos farão conhecer ainda mais os desejos de cada um de nossos clientes e, partir disso, atuar de forma muito mais precisa e personalizada. Estamos elevando a experiência do consumidor a outro patamar com esta loja, atingindo um nível de excelência jamais visto no varejo brasileiro de eletroeletrônicos e móveis”, disse Nogueira.

Leia também
O futuro do marketplace, segundo Magazine Luiza, Walmart e Via Varejo

Atendimento

Outra novidade da Via Varejo está no atendimento ao consumidor. Nesta semana, a companhia anunciou que investe em atendimento ao cliente por WhatsApp. O projeto é piloto. Até agora já foram enviadas 170 mil mensagens a clientes selecionados.

“Os aplicativos para troca de mensagens são os principais meios de comunicação utilizados pelas pessoas no dia a dia. Estamos otimistas com a avaliação positiva nesta fase prévia do projeto e acreditamos que estabeleceremos um novo patamar de experiência quando o canal for amplamente disponibilizado”, afirmou, em nota, Patrícia Cansi, diretora de Serviços ao Cliente da Via Varejo.

Por enquanto, os recebem informações sobre liberação de produtos para retirada de produtos comprados pela internet em uma das lojas físicas da Via Varejo; prazo para aprovação de pedidos, confirmação de garantia estendida e seguros complementares adquiridos, e até mensagens sobre montagem de móveis.

Leia também
GPA mantém investimento de R$ 1,3 bilhão em 2018 e quer abrir 20 lojas Assaí por ano até 2020






Acesse a edição:

MAIS LIDAS

VEJA MAIS

ÚLTIMAS

VEJA MAIS