Quase 40% das reservas de viagem no Brasil são feitas via smartphones e tablets

Confira os dados gerais da participação mobile no varejo de viagem, especificamente, na compra de passagens das agências ou companhias aéreas

Estudo recente da Criteo, empresa especializada em marketing para e-commerce, revela que os smartphones e tablets têm participação significativa nas reservas de viagem no Brasil. Segundo a pesquisa “Travel Flash Report” 37% das operações via internet foram feitas via dispositivos móveis. Os celulares representam 34% e os tablets, 3%. As compras através do desktop ainda são a maioria: 63% do total.

A revista NOVAREJO digital está com conteúdo novo. Acesse agora! 

Em um contexto ampliado, os aplicativos são os protagonistas. Na América Latina, as empresas que possuem aplicativos mobile registraram 60% de suas reservas em dispositivos móveis. O aumento foi de 41% em relação ao mesmo período de 2016. As agências digitais têm agora quase metade (45%) de suas reservas feitas por meio de smartphones ou tablets.

“As empresas de viagem estão recebendo cada vez mais reservas através de aplicativos e smartphones”, diz Alessander Firmino, diretor geral da Criteo para o Brasil e América Latina. “A flexibilidade dessas plataformas permite que os usuários adiem a compra até o último momento”.

Viagem de última hora

Os viajantes que procuram ofertas promocionais (muitas vezes de última hora com prazos limitados) e estadias noturnas estão impulsionando as reservas feitas por meio de aparelhos celulares. Com as plataformas móveis, de acesso fácil e rápido, as buscas em smartphones e aplicativos aumentaram rapidamente e já representam 89% do tráfego de reserva de última hora.

No entanto, com viajantes que aproveitam diferentes pontos de contato, é importante que as empresas assegurem que a comodidade e o conforto na experiência do usuário não acabem trazendo um aumento no preço. É essencial conectar todos esses pontos de contato em todos os dispositivos e dar ao comprador a oportunidade de reservar suas viagens de última hora do aparelho que ele escolher”.

Leia também:
Compras por smartphone e tablets crescem 75%






ASSINE NOSSA NEWSLETTER

MAIS LIDAS

VEJA MAIS

ÚLTIMAS

VEJA MAIS

CM 256: Os vencedores do Prêmio Consumidor Moderno de Excelência em Serviços ao Cliente

CM 255: Tudo o que você precisa saber sobre o consumidor na pandemia

Você já conhece as Identidades do consumidor?

VEJA MAIS