Inadimplência empresarial cresce 9,3% em março, diz Serasa

Número de empresas endividadas atingiu quase dois dígitos na comparação anual do serviço que analisa carteiras de crédito

O número de empresas inadimplentes aumentou no mês de março, segundo levantamento do Serasa. Cerca de 5,4 milhões de CNPJs estavam negativados, o que significa um aumento de 9,3% em relação ao mesmo mês de 2017, quando 5 milhões acusavam dívidas em atraso. O montante alcançado pelas dívidas das empresas foi de R$ 124,1 bilhões.

A revista NOVAREJO digital está com conteúdo novo. Acesse agora! 

Entre os segmentos, o setor de serviços é o que reteve o maior número de empresas no vermelho em março/2018, com 47,7% do total, aumento de 1,2 ponto percentual em relação a março de 2017.

Na sequência, as empresas do comércio apresentaram 42,8% de CNPJs negativados, queda de 1,2 ponto percentual se comparado ao mesmo período do ano passado. Na terceira posição ficaram as indústrias, com 8,5%, queda de 0,2 ponto percentual.

Recuperações

Em um ano até março de 2018, 92 mil companhias inadimplentes buscaram renegociar suas dívidas atrasadas e sair do vermelho por meio do serviço online do Serasa.

As pequenas empresas lideraram as renegociações, com 96%. As médias representaram 3% e a grandes, 1%. A maioria das empresas que limpou o nome veio do setor de serviços, com 54%. Na sequência, o comércio, com 37% e a indústria, com 9%.

Leia também:
Entenda por que novo cadastro positivo é considerado ‘urgente’ pela Câmara

MAIS LIDAS

VEJA MAIS

ÚLTIMAS

VEJA MAIS

As IDENTIDADES do novo consumidor sem rótulos #CM25ANOS

Futuro incerto? O que pensam os futuristas em tempos de crise social

“Contágio” e outros filmes sobre epidemias para ver dentro de casa

Manu Gavassi e sua brilhante estratégia de branding. O que as marcas podem aprender com ela?

A ascenção das newsletters

VEJA MAIS